Piadas de Crianças

Piadas de Crianças

As piadas estão presentes em qualquer contexto de nossa vivência, qualquer que seja a idade das pessoas que se comunicam. Na verdade, adultos frequentemente fazem piadas sobre as crianças, até sem perceber – e elas, por sua inocência, não conseguem entender propriamente.

Mas quando uma criança começa a contar suas próprias piadas? Com o desenvolvimento da consciência da criança, o instinto de contar piadas para divertir seus irmãos ou colegas surge naturalmente. É interessante perceber que, obviamente, o conteúdo das brincadeiras infantis abrange temas inocentes – como animais ou situações cômicas, sem malícia ou intenção de degradar outra pessoa.

É muito benéfico às crianças que contem piadas, principalmente aquelas compatíveis com sua faixa etária. Desta forma, a criança é levada a ter uma comunicação social mais ativa e pode desenvolver estas suas habilidades comunicativas desde cedo. Cabe aos pais incentivar este processo, para que seus filhos sejam educados e cresçam de forma natural e motivadora.


Encontradas 23 piadas. Mostrando página 1 de 2.


Saiba mais sobre humor de Crianças

Uma ótima maneira de descontrair o ambiente e relaxar em momentos de tensão é contar ou ouvir uma boa piada. Estudos revelam que rir ajuda a elevar os níveis do bom colesterol no sangue, reduzir a pressão arterial, diminuir os níveis de adrenalina e cortisol - hormônios do estresse - e ativar a produção de endorfina, hormônio que responsável pela sensação de relaxamento.

Um excelente exemplo são as piadas de crianças, criadas especialmente para o público infantil. Geralmente essas anedotas objetivam tanto o divertimento, quanto o lado educacional, de uma forma simples e atrativa.

Entre essas, existem alguns tipos que recebem destaque, como as piadas de escolas. Nesse caso, a situação gira em torno de uma ou mais crianças que sobressaem na sala de aula, ao responderem a colegas ou professores de maneira esperta e inteligente, que os deixe, por muitas vezes, desconcertados.

Outro tipo bastante comum de piadas infantis são as que envolvem família. Semelhantemente ao tipo anterior, esses gracejos geralmente se dão por meio de respostas divertidas dadas pela criança quando questionada pelos pais ou outro parente. Elas respondem de maneira tão objetiva que os deixam constrangidos e sem reação.

Entre as piadas que envolvem crianças, está a do garoto que não queria ir para o céu. A história curta revela a inocência do pensamento infantil e o valor da obediência. Em uma aula de catecismo, o padre pergunta aos alunos quem gostaria de ir para o céu. Todos levantam a mão menos Joãozinho. A justificativa? A mãe havia dito ao menino para ir direto para a casa depois da catequese.

Outra anedota que usa a lógica simples do raciocínio infantil para divertir as pessoas é a piada da mãe mentirosa. O menino indignado acusa a mãe de dizer uma mentira. A mulher quer saber o porquê de tal acusação. O menino explica que seu irmão não é um anjo como a mãe disse, pois não voou ao ser atirado da janela.