Topo

7 destinos que todo amante de vinho deveria conhecer

Comente

Enquanto muita gente gosta de sair para conhecer belas praias, destinos históricos e até novas culturas, há turistas que fazem questão de viajar com um único e nobre objetivo: visitar vinícolas interessantes para degustar um bom vinho.

Estes são os adeptos do enoturismo, prática que consiste justamente em sair pelo mundo em busca de conhecimento mais aprofundado sobre o vinho, degustando-o diretamente na fonte, ou seja, nas vinícolas.

A boa notícia é que hoje não faltam opções para quem não dispensa esse tipo de turismo. E para comprovar isso, apresentamos a seguir algumas boas alternativas de destinos nesse sentido ao redor do mundo. Veja!

Lugares incríveis para quem aprecia um bom vinho

Vale dos Vinhedos/RS – Brasil

Vale dos Vinhedos/RS – Brasil

Quem disse que é preciso sair do Brasil para apreciar um bom vinho? A Serra Gaúcha está aí pra provar que pode ser um excelente ponto de partida para aqueles que querem aderir ao enoturismo.

O Vale dos Vinhedos, que fica no encontro dos municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul, por exemplo, abriga uma série de pequenas propriedades rurais com vinícolas de portes diversos. Um detalhe interessante, é que os vinhos produzidos na região são os únicos do país que possuem selo de indicação e procedência com denominação de origem.

Mendoza – Argentina

Mendoza – Argentina

Depois de um passeio nos arredores da Serra Gaúcha, que tal apreciar um bom vinho na terra dos “hermanos”? Uma região incrível para quem quer conhecer boas vinícolas por lá é a de Mendoza, que fica na Cordilheira dos Andes.

Além do bom clima, a cidade traz consigo o prestígio de ter vinhos famosos produzidos em suas vinícolas, tais como o Cabernet Sauvignon e Malbec, por exemplo.

Walla Walla – Estados Unidos

Walla Walla – Estados Unidos

E para quem quer conhecer bons vinhos na América do Norte, a região de Walla Walla, nos Estados Unidos, é uma das melhores opções, especialmente no estado de Washington.

Por lá além de degustar bom vinho, o turista tem à disposição de seus olhos uma bela e gigante paisagem campestre, repleta de campos de trigo e colinas. Isso sem contar com os restaurantes famosos que dão o tom da gastronomia, como o Brasserie Quattro, por exemplo.

Valle de Guadalupe – México

Valle de Guadalupe – México

Ainda na América do Norte, outra excelente possibilidade é visitar o Valle de Guadalupe, no México. A indústria de vinho no país e consequentemente na região, se tornou forte com o passar do tempo com grandes investimentos de estrangeiros.

Diante desse cenário, os vinhos portugueses que outrora dominavam o mercado mexicano, ganharam concorrente local de peso. Entre os destaques, hoje há nomes como Monte Xanic, Casa Pedro Domecq e Château Camou, dentre outros.

Languedoc – França

Languedoc – França

Saindo da América e rumando à Europa, uma excelente alternativa é passar pela região de Languedoc, na França. O motivo? A cidade é conhecida como a maior produtora de vinhos do planeta.

A região impressiona pela grande quantidade de vinícolas e também pelo tamanho das mesmas, que trabalham com uma enorme fartura de uvas dos mais diversos tipos. Além de tudo, para quem gosta de combinar a degustação do vinho com uma boa gastronomia, o lugar não decepciona, já que abriga alguns dos mais requintados restaurantes da França.

Leia também:

Champagne – França

Champagne – França

E aqui temos a cidade que, como o nome sugere, foi onde nasceu o champagne. Isso por si só já seria suficiente para uma visita, mas não para por aí, é lá também que são produzidos os badaladíssimos Perrier Jouet, Möet & Chandon e Dom Perignon. Que tal?

Rioja – Espanha

Rioja – Espanha

Pequena, mais conhecida por suas belíssimas paisagens, a região espanhola é um verdadeiro encanto para turistas do mundo inteiro. E para quem gosta de vinho, ela naturalmente não decepciona, até porque é protegida de chuvas e altas temperaturas, possuindo clima agradável e ideal para a produção da bebida.

Não por acaso ela é apontada por especialistas como uma das principais regiões vinícolas do planeta, tendo sofrido no passado bastante influência dos produtores franceses.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: