Topo

5 indícios de que seu Android foi infectado por vírus ou malware

Comente

Na atualidade, o Android, sistema operacional mobile do Google, tem sido um dos principais alvos de infecções causadas por vírus e malwares. Mas diferente do que muitos pensam, isso não significa que a plataforma seja mais vulnerável que as demais disponíveis no mercado.

O raciocínio nesse caso é um pouco mais óbvio: os crackers trabalham pra espalhar suas ameaças para o maior número de pessoas possível, logo, faz todo sentido direcionar as ações hostis para o sistema com o maior número de usuários, no caso, o Android.

O problema, porém, é que como muitos dos usuários de smartphones estão tendo agora o primeiro contato com esse novo mundo da tecnologia, nem todos possuem o mínimo de conhecimento necessário para prevenir ou mesmo diagnosticar a presença de um item malicioso no aparelho, o que deixa as portas abertas para que o vírus ou malware trabalhe livremente.

Sabendo disso, portanto, listamos a seguir alguns comportamentos do aparelho que podem indiciar que ele foi infectado por vírus ou malware. Confira!

Comportamentos que denunciam presença de itens maliciosos no Android

Comportamentos que denunciam presença de itens maliciosos no Android

Ações incomuns

Quando o uso do aparelho passa a ser comprometido por arquivos corrompidos, processos interrompidos repentinamente, ou funcionamento fora do comum, o usuário deve desconfiar. Embora existam outras razões para esses comportamentos, eles na maioria das vezes indicam que algum item não autorizado está corrompendo o sistema.

Outro detalhe que também pode indiciar uma infecção é o eventual comportamento estranho de certos aplicativos, como nos casos em que mensagens acabam sendo enviadas sem autorização.

Dificuldade de navegar

Quando os aplicativos web oferecem muitas dificuldades na navegação, como por exemplo, nos casos em que o acesso é redirecionado para páginas indesejadas, é muito provável que o aparelho tenha sido infectado.

Isso se torna ainda mais evidente quando os redirecionamentos vão para uma página que solicita dados bancários, informações pessoais, ou mesmo instalações de novos aplicativos.

Isso acontece muito nos casos infectados com malwares que usam servidores de DNS falsos, que podem levar a pessoa para um endereço falso até mesmo parecido com o desejado.

Dito isso, ao perceber que o navegador está redirecionando para páginas não autorizadas, o melhor é executar uma limpeza no aparelho usando um antivírus confiável, dentre as inúmeras opções disponíveis na Google Play.

Leia também:

Uso de dados

Pouca gente se atenta para isso, mas observar como anda o consumo de dado nas redes móveis tende a ser uma excelente maneira de descobrir eventuais infecções por malwares. Isso porque os itens maliciosos podem estar consumindo uma grande quantidade de dados fazendo troca de informações com servidores remotos.

Fica mais fácil perceber o uso excessivo de dados com o uso dos pacotes de redes móveis oferecidos pelas operadoras. Prestar atenção nesse detalhe não só ajuda a eliminar eventuais ameaças, como também contribui com a economia nos pacotes contratados.

Bateria

Por incrível que pareça, assim como um malware pode estar roubando dados das redes móveis, ele também pode estar aumentando o consumo nos processos do aparelho. Dito isso, ao notar uma baixa autonomia da bateria de seu dispositivo, o usuário deve verificar se não existe nenhum item malicioso envolvido na questão.

Publicidade incomum

Os anúncios publicitários disponíveis na internet, ajudam a manter online serviços como websites, jogos e app gratuitos. É daí que vem o capital necessário para pagar despesas com redatores, hospedagem, otimização, fotografia, design, segurança da informação, equipe de desenvolvimento, etc.

Apesar disso, porém, quando os sites ou app começam a exibir anúncios diferentes dos convencionais, ou seja, que fogem ao padrão daqueles comumente exibidos pelos serviços mais confiáveis (como os que direcionam para páginas que pedem dados bancários e/ou pessoais) o usuário deve ficar em alerta e executar uma verificação com antivírus e anti-adware (que elimina itens maliciosos de publicidade) para ver se está tudo certo com o aparelho.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: