Topo

Facebook anuncia a "Work", uma nova rede social direcionada às empresas - veja

5.00 / 5 - 1
Comente

O crescimento das empresas posicionadas no setor de tecnologia e especialmente daquelas que exploram o ambiente online, tem resultado no surgimento de muitas novidades nos últimos anos.

Leia também:

Isso se deve em boa parte também ao fato de as grandes instituições estarem sempre em busca de novas soluções capazes de lhes conduzir para além de um sucesso momentâneo. E ao que tudo indica, o Facebook está agora prestes a dar mais um passo nesse sentido.

A empresa anunciou no meio dessa semana o surgimento de nova versão da rede social, dessa vez direcionada especificamente às empresas que querem melhorar a comunicação interna entre os funcionários no trabalho.

Facebook anuncia a “Work”, uma nova rede social direcionada às empresas – veja

facebook-work

Batizado de “Work”, o novo serviço oferecido por Mark Zuckerberg já chega com aplicativos em versões iOS e Android, além é claro da versão web. Ambas as ferramentas podem ser usadas para a comunicação, troca de arquivos e outras tarefas corporativas.

De acordo com informações apresentadas pelo ‘TechCrunch’, os interessados em usar a novidade poderão criar logins separados para a “Work”, havendo, no entanto, a possibilidade de interligação dos perfis de contas pessoais.

No que tange a design e usabilidade, o serviço será bastante idêntico ao Facebook, com o detalhe que não existirão anúncios e aplicativos de terceiros. Em todo caso, vale ressaltar que o fato de não ter publicidade envolvida não significa necessariamente que a empresa não pretenda faturar com o serviço.

O diretor de engenharia do Facebook, Lars Rasmussen, por exemplo, deixou claro que diferente do que acontece na popular rede social (Facebook), o uso da “Work” poderá ser cobrado no futuro e até receber eventualmente algum formato de anúncio. Ele ressaltou, porém, que quaisquer mudanças nesse sentido não deverãos acontecer por agora.

Pelos próximos dias o serviço entrará em fase de teste com empresas de 100 ou mais funcionários, e antes mesmo do anúncio oficial da empresa, o Wall Street Journal já havia adiantado que alguns testes do serviço já haviam sido liberados para um pequeno número de companhias.

Resta agora aguardar pra saber o quão longe o novo serviço pode chegar e quais serão os impactos do mesmo na maneira como os profissionais acessam hoje o Facebook. Qual qua opinião? Fique à vontade para nos contar nos comentários.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: