Topo

Dicas para manter a tranquilidade em viagens de avião com as crianças

Comente

Planejar uma viagem em família exige muita criatividade para organizar o trajeto e tornar isso tranquilo e prazeroso para todos, incluindo naturalmente, as crianças. São os pequenos, aliás, que demandam maior atenção na hora desse planejamento, afinal, na infância ninguém consegue “tirar de letra” facilmente todos os eventuais perrengues de uma viagem.

Com um pouco de boa vontade e criatividade, no entanto, os adultos conseguem tornar a experiência agradável também para os filhos, mas é preciso atenção a algumas dicas.

Para quem vai viajar de carro, por exemplo, já escrevemos aqui um artigo que fala sobre como tornar a viagem com as crianças mais tranquila. Já neste artigo em particular, apresentamos algumas dicas para tornar mais tranquila a viagem com criança no avião. Confira!

Como viajar de avião com tranquilidade junto das crianças

Demonstrar tranquilidade

Pode parecer que não, mas a verdade é que as crianças estão sempre atentas às expressões e comportamentos dos pais. Dito isso, se a criança ouve com frequência os adultos comentando sobre eventuais preocupações em relação à viagem, é comum que isso gere nela uma certa apreensão e preocupação, algo que pode prejudicar a tranquilidade da viagem.

Falar da viagem na hora certa

Esconder da criança ou adiar muito o anúncio de que todos vão viajar de avião, pode não ser uma boa ideia. Por mais que os pais tenham medo da reação do filho na hora de transmitir a informação, é sempre bom comunicar o pequeno com antecedência, procurando tranquilizá-lo.

Também não é preciso avisar com muitas semanas de antecedência, até porque isso pode desencadear uma ansiedade desnecessária.

Diversão a bordo

Se muito longa, uma viagem pode ser um tanto quanto monótona para a criança. É missão dos pais, portanto, tornar essa experiência mais divertida para evitar que o pequeno se sinta desconfortável no caminho.

E o terreno para tudo isso pode ser preparado com antecedência. Se a criança está apreensiva quanto à viagem, por exemplo, os pais podem usar a criatividade para mostrar desde cedo o quanto pode ser tranquilo voar.

A lista de ideias inclui brincar de avião de papel, assumir papel dos comissários de bordo para simular uma viagem na sala de casa, dentre outras. Já na aeronave, uma boa saída é usar a criatividade com brincadeiras, vídeos de animações e até mesmo brinquedos, mas nesse último caso é importante consultar sobre o que pode e o que não pode levar no avião.

Conversar com pediatra

Especialistas alertam que é de suma importância consultar a criança com um pediatra para entender como o corpo pode reagir à viagem. Isso se torna até mais necessário se a criança costuma ficar enjoada em longos trajetos de carro. Nesses casos o profissional tende a receitar algum tipo de truque ou medicamento para minimizar o problema.

Leia também:

Oferecer líquidos

Em uma primeira experiência em voo, a criança pode chorar por diversos motivos, mas um dos mais comuns é o incômodo que sentem com a pressurização da aeronave, o que pode provocar dor ou sensação de entupimento no ouvido.

Para minimizar esse tipo de problema, uma das dicas é ingerir muito líquido, pois ele ajuda a regular a diferença de pressão. Para criança que já tem idade para alimentação sólida, outra opção é mastigar. Já os pequenos podem aliviar o problema com o uso da chupeta.

Travesseiros

Tão importante quanto a diversão e as condições físicas da criança, é também o conforto. E o travesseiro é um grande aliado nesse sentido especialmente nas viagens longas. A criança pode tanto sentar em cima dele para conseguir ver melhor fora da janela, quanto dormir de maneira confortável depois de um certo período de voo.



Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: