Topo

Conheça as 7 piores séries do século 21

Comente

Se os últimos anos têm sido considerado como a nova Era de Ouro da televisão, com o surgimento de diversas produções que realmente conseguem chamar a atenção tanto pela qualidade da sua produção quanto pela originalidade dos seus roteiros, também surgiram muitas obras completamente esquecíveis neste período. Afinal de contas, também nunca foram criadas tantas séries, especialmente com o surgimento dos streamings. 

E este é um processo que acaba sendo muito importante dentro do universo do entretenimento. Mesmo que estas obras acabem sendo duramente criticadas, de uma forma geral muitas vezes a diferença entre um grande fracasso e um grande sucesso acaba sendo apenas alguns detalhes.

Para ter uma boa ideia em relação ao que pode ser considerado bom e o que é considerado ruim existem diversos serviços nos dias de hoje que conseguem agregar tanto as opiniões dos espectadores quanto também da crítica especializada. Um dos mais conhecidos é o Metacritic, que faz justamente a união das críticas, construindo assim uma nota média. 

Com base neste compilado, confira aquelas que estão entre as piores séries do século 21:

Truth be Told (2015)

Veja também:

As comédias no estilo sitcom, que seguem as vidas de familiares e amigos, são tão tradicionais dentro do universo da televisão dos Estados Unidos como as novelas são dentro deste mesmo universo no Brasil. Com isso, ao longo da história acabaram surgindo grandes clássicos que fizeram sucesso mundialmente, como Friends, assim como grandes fracassos, como é o caso desta comédia criada pelo canal NBC. 

A série com Mark-Paul Gosselaar acompanhava dois melhores amigos e vizinhos que acabavam compartilhando experiencias sobre sexo, romance, etnias e rotinas. Mesmo com um elenco que pode ser considerado competente, a série acabou sendo duramente criticada por não conseguir abordar assuntos políticos de uma forma adequada. Ela foi cancelada com apenas uma temporada produzida. 

Dr. Ken (2015)

Conheça as 7 piores séries do século 21

Esta série tinha tudo para dar certo, começando pela escolha do protagonista, Ken Jeong, que acabou fazendo sucesso em diversas produções norte-americanas, como “Community”. A trama central girava em torno de um médico que tinha problemas para se comunicar e mostrava tanto suas rotinas de casa quanto com os seus pacientes. Mas as histórias que eram contadas simplesmente não convenciam não ao público e muito menos aos críticos. Muitos críticos afirmavam que a série não tinha nem humor e nem coração, considerados elementos essenciais dentro de qualquer comédia familiar. 

Hawaii (2004)

Essa é uma das inúmeras produções que surgiram a partir do grande sucesso que a série “Hawaii Five-0” teve tanto nos Estados Unidos quanto também em outros locais do mundo. A série procedural, produzida pela NBC, tinha como principal argumento acompanhar a vida de dois detetives que investigavam cenas de crimes justamente na ilha que dá nome a série. A ideia geral, de mostrar o que poderia ser considerado como “o lado obscuro do paraíso” foi muito mal em relação a audiência e foi cancelada rapidamente. 

Insatiable (2018)

Nem mesmo a poderosa e premiada Netflix consegue escapar da lista das piores séries feitas nos últimos anos. E essa comédia acaba aparecendo como a pior trama do streaming no agregador de críticas. A história segue a vida de uma adolescente chamada Paty. Ela recebe a ajuda para vencer um concurso de beleza após ter passo por diversos episódios de bullying na sua infância, devido ao excesso de peso. Mas a trama foi considerada como uma crítica muito deselegante, especialmente na forma como ela era contada e reforçando uma série de estereótipos. Mesmo sendo considerada muito ruim, ela ainda ganhou uma segunda temporada. 

Killer Instinct (2005)

A trama do canal Fox era mais uma tentativa de conseguir replicar os sucessos de séries como CSI, que fazem muito sucesso nos Estados Unidos acompanhando cenas de investigação. Mas a história era uma tentativa de apresentar uma série mais “gore” do que suas concorrentes, retratando o dia a dia da Unidade de Crimes Depravados de São Francisco. Os críticos afirmavam que a série se preocupava apenas em “chocar” o seu público em todos os sentidos, mas sem ter qualquer tipo de preocupação com uma história ou com os seus personagens. 

Modern Men (2006)

Outra comédia, mas desta vez do canal WB. Ela acompanhava a vida de três homens solteiros, que estavam não seus vinte e poucos anos, que tentavam melhorar suas vidas amorosas através de um coaching. Essa série recebeu duras críticas, com definições como “estúpida, irritante e uma recauchutagem de outras incontáveis sitcoms estúpidas, irritantes e nada originais da WB”.

October Road (2007)

Este foi um drama criado pelo canal ABC que acompanhava a história de um jovem escritor que retorna à sua cidade natal pela primeira vez depois de uma década, mas que descobre que seus antigos amigos não gostarem muito de terem sido usados como material para os seus livros. A série foi descrita como “um amontoado de arcos previsíveis, pouco inspirados e sem carisma”. 


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: