Topo

5 séries que acabaram cedo mas que ainda vale a pena assistir

5.00 / 5 - 2
Comente

Você assiste o piloto de uma série e pronto, amor à primeira vista. Em pouco tempo se pega ansioso pelo próximo episódio e quando ele chega vai correndo assistir, investindo preciosos momentos de sua vida naquela obra que ganhou sua confiança como nova fonte de entretenimento.

Mas o tempo passa, as coisas para a emissora que a idealizou não correm como o esperado, e então vem o fatídico e lamentável cancelamento, para lamento daqueles que acompanhavam a trajetória da história apresentada. Este é um cenário triste, nós sabemos, mas qual é o seriador que nunca passou por isso, não é verdade?

Apesar dos pesares, porém, em alguns casos determinadas séries acabam conseguindo mesmo em face do cancelamento apresentar um final digno para a trama, o que acaba servindo de consolo para os espectadores, que não esperavam nada menos que isso.

E agora então para ilustrar esse cenário, apresentamos a seguir algumas dessas séries que embora tenham terminado muito cedo, merecem ser assistidas pelo simples fato de terem recebido um final.

Veja as séries que foram canceladas precocemente mas ainda merecem ser assistidas

Jericho

Apesar de ter uma boa primeira temporada, a emissora responsável pela obra decidiu que o melhor a fazer seria optar pelo cancelamento. Na ocasião muitos fãs ficaram revoltados e exigiram um desfecho razoável para a história, por isso, no fim das contas ela acabou ganhando uma mid season de sete episódios que deu a aguardada conclusão.

Na série um jovem chamado Jake Green, que havia se afastado de sua cidade natal em função de um desentendimento com o pai, se vê forçado a retornar e encarar seu passado. Apesar disso, sua volta traz à tona novamente os conflitos familiares do passado e é em meio a esse cenário que surge uma situação que aflige toda a cidade.

Um suposto ataque nuclear teria atingido pelo menos duas grandes cidades americanas, pelo que, a pequena cidade onde Jake se encontra acaba ficando isolada e sem comunicação.

A falta de informações gera uma sequência de mistérios e teorias conspiratórias, de modo que ao longo dos episódios os espectadores são levados a entender tudo o que se passa nesse cenário.

Leia também:

Awake

Exibida em 2012 pela NBC, “Awake” teve apenas uma temporada de 13 episódios. Isso, no entanto, não foi um grande problema para os espectadores que acompanhavam a história. Apesar do final ser simples e consideravelmente interpretativo, ele consegue dar um bom desfecho para a trama apresentada, não comprometendo a grandeza da obra.

Na série, um homem chamado Michael Britten é um detetive de polícia que depois de um terrível acidente com sua família parece viver em duas realidades distintas. Em uma delas quem sobreviveu ao acidente foi sua esposa, na outra o seu filho, ou seja, em cada um dos mundos um de seus amados está morto.

Apesar de diferentes, os elementos de uma realidade parecem permear a outra, de modo que uma investigação conduzida pelo detetive em um dos universos acaba o ajudando a solucionar outro crime no outro universo.

Em cada um dos mundos o protagonista tem um terapeuta que tenta convencê-lo de que aquela é a verdadeira realidade e a outra é apenas fruto de sua imaginação. As perguntas que a série propõe são: Qual dos dois mundos é real? Será que os dois são verdadeiros? Como isso termina?

Fringe

Exibida de 2009 a 2013, a série quase foi encerrada em sua quarta temporada, mas em respeito aos fãs, a emissora decidiu fazer uma mid season de 13 episódios na quinta temporada para dar um desfecho digno para a história. Com uma série de reviravoltas e uma trama extremamente intrigante, o desfecho da série não poderia ter sido melhor dadas as circunstâncias.

Na série os agentes do FBI são convocados para a investigação do caso de um avião que pousou no aeroporto de Boston com todos os seus passageiros e tripulação mortos.

Por mais assustador que isso possa parecer, o ocorrido trata-se apenas da ponta do iceberg, já que alguém ou alguma força ainda desconhecida parece estar usando o mundo como um laboratório para algo assustadoramente maior.

A série explora viagens no tempo, teletransporte, telecinese, animação suspensa, universos alternativos e diversas outras teorias da ciência e ficção científica, sendo recomendada a todos os fãs do gênero.

Roma

Coproduzida entre a BBC (Inglaterra), HBO (Estados Unidos) e RAI (Itália), a série exibida pela Band no Brasil acabou cancelada por ter uma produção muito cara e complexa.

Ao final da primeira temporada a HBO teve que decidir entre encomendar mais duas ou uma temporada, pelo que, acabou optando pelo caminho mais curto, renovando a obra apenas para mais uma.

No fim das contas os executivos devem ter se arrependido, pois a obra foi aclamada pelo público e pela crítica na segunda temporada, sendo até indicada ao Emmy. Nessa altura já era tarde para tentar fazer uma terceira temporada, já que alguns dos atores já haviam se comprometido com outros projetos. Apesar de tudo, o final da série é consideravelmente satisfatório.

Twin Peaks

Twin Peaks

Essa talvez seja uma exceção à regra nessa lista, pois, o episódio final de “Twin Peaks” deixou uma série de pontas soltas. Em todo caso, antes do último episódio o plot central recebe um bom desfecho, pelo que, para quem tem problemas com esse tipo de situação o melhor talvez seja parar no episódio que esclarece o mistério principal.

A série se tornou um dos maiores fenômenos cult da década de 90 e apresentou uma trama bastante surreal. A história traz a investigação de um misterioso assassinato de uma garota chamada Laura Palmer.

O responsável pela resolução do caso é o agente Dale Cooper (Kyle MacLachlan), que trabalha ao lado do xerife local, Harry Truman (Michael Ontkean). Aos poucos o mistério vai sendo elucidado, ao passo que todos vão conhecendo um lado oculto da pequena cidade de Twin Peaks.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: