Topo

Veja algumas das razões pelas quais você deveria incluir o feijão em sua dieta

5.00 / 5 - 1
Comente

O feijão é o alimento que está sempre presente no prato do povo brasileiro, pelo que, quem sai do país afirma sentir muita falta do mesmo, já que este não costuma ser servido em determinadas regiões.

Essa necessidade que o brasileiro tem por feijão é totalmente justificável, já que além do sabor peculiar, ele é apontado no relatório do Sistema Vigitel do Ministério da Saúde, como fator de proteção contra o câncer e outras doenças crônicas.

Leia também:

Para evidenciar ainda mais a importância do alimento, listamos a seguir algumas das razões pelas quais ele deve fazer parte de uma dieta. Veja!

Veja algumas das razões pelas quais você deveria incluir o feijão em sua dieta

incluir-feijao-dieta

Fonte de proteínas

O feijão possui uma substância formada por aminoácidos e conhecida como lisina, a qual o organismo não tem capacidade para produzir sozinho. Essa substância é essencial para manter a saúde dos ossos, órgãos, músculos e pele.

Prevenção de cáries

A combinação do feijão com o arroz proporciona uma boa dose diária de flúor aos dentes, o que ajuda no controle e combate às cáries.

De acordo com especialistas, esses alimentos podem absorver o flúor presente na água usada no preparo, concentrando-se na saliva no momento do consumo.

Controle de peso

O consumo de feijão pode auxiliar no emagrecimento, mas é necessário que o consumo seja moderado, pois o feijão é rico em carboidratos.

O feijão contem fibras e ao ser ingerido ele se torna um gel que proporciona a sensação de saciedade, dessa forma leva mais tempo para sentir fome novamente.

Bom para intestino preso

O consumo de fibras ajuda aumentar o volume das fezes, levando o intestino a funcionar normalmente. As fibras solúveis que estão presentes no feijão servem de base para a formação de ácido graxa de cadeia curta, que faz com que as células do intestino tenham energia para desempenhar sua função.

Diabetes

As fibras do feijão têm ainda um outro diferencial. Elas fazem com que a glicose presente nos alimentos seja absorvida lentamente, tornando assim mais fácil o processo de controle dos picos de hiperglicemia.

Prevenção de câncer e doenças degenerativas

O feijão é uma fonte de compostos fenólicos, substâncias antioxidantes que auxiliam na redução dos riscos de alguns tipos de câncer, agindo também na prevenção de problemas cardiovasculares e doenças degenerativas.

Vale ressaltar que as fibras do feijão auxiliam ainda no controle da obesidade, glicemia do sangue e colesterol.

Fonte de minerais

O feijão é rico em ferro, e por essa razão, é usado no combate à anemia ferropriva, que é causada pela diminuição de células vermelhas no sangue. Na prática sabe-se que sem as hemoglobinas o corpo não consegue produzir oxigênio o suficiente para que as células do corpo consigam produzir energia.

O feijão ainda é rico em zinco e magnésio, sendo o zinco importante para inúmeras reações químicas no organismo, proporcionando inclusive um melhor desempenho da memória. O magnésio, por sua vez, é importante para a saúde dos ossos, cérebro, músculo e sistema nervoso.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: