Topo

9 erros comuns que podem ser evitados no preparo do churrasco

Comente

Preparar um churrasco parece algo simples, tudo o que tem a fazer é acender o fogo na churrasqueira e colocar a carne para assar, certo? Errado. Na prática a coisa pode não ser tão fácil assim, e quem já passou por essa experiência pela primeira vez sabe disso. Antes de qualquer coisa é preciso saber o ponto certo da brasa, escolher corretamente o corte de carne, saber cortar a carne, entre outros detalhes.

Se você já tentou fazer um churrasco e não deu certo, portanto, é hora de conferir alguns erros comuns que poderão ser evitados nas próximas oportunidades. Veja!

Erros comuns no preparo do churrasco

9 erros comuns que podem ser evitados no preparo do churrasco

Retirar a gordura

Jamais retire a gordura da carne antes de assar, principalmente se ela for assada na grelha. A gordura da carne impede que ela resseque, deixando-a mais saborosa. Nos casos de carnes com capa de gordura externa, como picanha, maminha e contrafilé, a gordura deve ter uma camada homogênea, num tom amarelo quase branco, isso ajuda a garantir textura amanteigada.

Não usar carnes menos nobres

Veja também:

Não são apenas as carnes nobres que ficam saborosas no churrasco, algumas menos nobres como as da parte dianteira do boi, costumam ter uma proporção de carne e gordura bem saborosa.

Cortar de qualquer jeito

Você sabia que cada peça de carne tem um tipo de corte definido? Por exemplo, a picanha, que tem fibras na diagonal, deve ser cortada perpendicularmente, em ângulo de 90 graus, dessa forma a peça não vai endurecer e ainda vai assar superficialmente, o que vai deixar o miolo mais suculento.

Já nos casos da alcatra e fraldinha, o ideal é cortá-las no sentido das fibras, da mesma forma que o bife, tudo para que fiquem mais macias.

Muito tempero

Na hora do churrasco, abra mão de temperos como alho, ervas e pimenta, o único tempero permitido no churrasco é o sal, e de forma moderada, para não desidratar a carne. O uso de sal grosso é indicado para peças grandes, como a costela, para que seja dissolvido enquanto ela é assada.

O sal triturado, é indicado para pedaços médios, enquanto o sal fino deve ser usado em bifes e tiras. Uma dica, caso salgue a carne de mais é fatiar e ferver as peças no refrigerante de cola por 5 a 10 minutos.

Espetar ou furar

O ato de espetar ou furar a carne, faz com que ela perca muito rapidamente o seu sumo, a deixando ressecada e dura. Na hora de temperar a carne evite usar garfos, e massageie apenas com as mãos. Na hora de virar a peça na grelha use pinça ou uma forquilha pelas extremidades. Carne assada no espeto, só se for galeto inteiro ou seus pedaços, como coxas, sobrecoxas e asas.

Passar do ponto

Quando a carne passa do ponto é impossível recuperá-la, a única coisa que se pode fazer é picar e usar para molhos e ensopados. Para saber como deixar a carne no ponto certo, no entanto, basta seguir algumas dicas.

Carnes pesadas e ricas em colágeno, como costela, picanha e cupim, devem ser dispostas na grelha alta da churrasqueira, mais afastadas do fogo, para assarem lentamente. Na parte de baixo da grelha, coloque medalhões e bifes estreitos de contrafilé e fraldinha, que assam rapidamente.

Errar a temperatura

Quando o calor é demais a carne fica dura e escura, já um fogo muito brando, as deixam cruas. Para ter certeza que a temperatura está boa, estenda as mãos por perto, se conseguir resistir por alguns segundos, está perfeito.

Para conseguir controlar as labaredas, evite jogar água, isso faz com que a fumaça levante ao molhar o carvão, que pode até não voltar a acender. Para reduzir a temperatura, a dica é reutilizar as cinzas do último churrasco.

Acelerar o grelhado

Mesmo que já esteja tarde, não tente acelerar o grelhado, respeite o prazo de preparo. Antes de servir a carne procure provar, para ver ser não está mal passada ou se já passou do ponto, evitando servir algo ruim aos convidados. Evite também ficar longe da grelha, esteja sempre de olho em seu assado.

Revezar a churrasqueira

Por mais cansativo que seja, não fique revezando a churrasqueira, pois no momento só você sabe em que ponto a carne está. Não se esqueça que um minuto a mais ou a menos em uma grelha pode mudar totalmente a carne. Caso precise de ajuda na churrasqueira, estabeleça funções, por exemplo, enquanto você assa a carne, seu assistente pode fazer os acompanhamentos e a limpeza da área.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: