Topo

Curiosidades que pouca gente conhece sobre a cantora Pink

Comente

A cantora Pink é o tipo de artista que não passa despercebido. Por onde passa, a estrela chama a atenção, sendo uma mulher de imagem marcante e muita determinação. A cantora conseguiu conquistar muitas pessoas desde o início de seus trabalhos, quando lançou o primeiro álbum ainda no ano de 2000.

O que torna seu estilo ainda mais marcante, é o fato de que suas músicas trazem letras marcantes voltadas ao tema de relacionamento e amor, só que com o diferencial de que é sempre as mulheres no papel de protagonistas do tema, nunca como vítima.

Mesmo com todo o sucesso da cantora atualmente, porém, é possível que você ainda não saiba tudo sobre ela, por mais fã que seja. Sabendo disso, decidimos apresentar a seguir uma lista que traz algumas curiosidades sobre ela. Algumas podem te surpreender. Confira!

Coisas que você provavelmente não sabia sobre a cantora Pink

Tarantino e suas obras icônicas

https://youtu.be/3SfljD-TwJA

A cantora Pink nasceu na Pensilvâia, Estados Unidos, em 1979. Só que seu nome de batismo é Alecia Beth Moore. E o que pouca gente sabe, é que seu nome artístico foi inspirado no filme “Cães de Aluguel”, de Quentin Tarantino, onde os personagens da história se tratam apenas pelo nome das cores, dentre elas, o pink (rosa, em português).

Infância

https://youtu.be/OpQFFLBMEPI

De acordo com informações, a infância da cantora não foi muito boa, pois, seus pais brigavam muito, o que acabou resultando em divórcio quando ela ainda tinha 3 anos de idade. Isso fez com que ela se tornasse uma criança rebelde, e claro, seu comportamento rebelde tinha reflexo direto com os problemas que aconteciam na escola e com sua família.

Leia também:

Drogas

https://youtu.be/K3GkSo3ujSY

Ainda na adolescência, a cantora Pink, buscava refúgio para os problemas da vida em bares com amigos, o que levou ao consumo de drogas quando ainda tinha 15 anos de idade, tempo em que quase sofreu uma overdose.

Em meio a esse conturbado momento de descoberta das drogas, a cantora passou a cantar em casas noturnas, e em um belo dia foi descoberta por um produtor que enxergou seu real potencial.

Grupos

https://youtu.be/yTCDVfMz15M

Antes de tentar seguir carreira solo, a cantora Pink foi integrante de dois grupos de música de r&b. Mesmo que a experiência não tenha sido muito longa, foi o suficiente para Pink conquistar o público com seu carisma, dando um salto para sua carreira solo. Foi aos 21 anos que ela lançou seu primeiro álbum “Can’t Take Me Home”.

Sucesso

https://youtu.be/zYMsA-jv1tw

O primeiro álbum de Pink foi um grande sucesso, e ela tratou logo de mudar a imagem que o público tinha dela, que era o de uma cantora bonitinha e toda meiga. Em 2002 a cantora ganhou o mundo quando participou da trilha sonora do filme “Moulin Rouge”.

Carreira

https://youtu.be/5Nrv5teMc9Y

Atualmente ela já possui seis álbuns em estúdio, tendo conquistado três Grammy. Como se não bastasse ser uma cantora de sucesso com agenda lotada, ela ainda encontra tempo para ser ativista e protestar pelos direitos dos animais.

Vida amorosa

https://youtu.be/FJfFZqTlWrQ

A cantora Pink é casada com o ex-piloto de motocross, Carey Hart, desde 2006. Eles estão juntos desde 2001. São o típico casal vai e volta, nesse período já chegaram a se separar duas vezes, mas é claro, voltaram às boas. Juntos, o casal tem uma filha que nasceu em 2011.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: