Topo

8 coisas verdadeiras que as pessoas dizem sobre maternidade

Comente

Quando o casal descobre que vai ter um bebê e anuncia para amigos e familiares, logo passa a ouvir um turbilhão de conselhos de quem já passou pela experiência. Muitos dizem, por exemplo, que é bom a mãe aproveitar para dormir durante a gravidez, que depois será difícil, para o casal viajar e outras coisas do tipo.

E por mais que nem tudo o que as pessoas dizem possa ser considerado uma verdade absoluta, o fato é que muitas coisas, por mais assustadoras que possam parecer, têm lá um fundo de verdade. Para ilustrar isso, lembramos a seguir algumas das verdades que as pessoas dizem sobre a maternidade. Confira!

Coisas que as pessoas dizem sobre a maternidade e são verdadeiras

images

Durma bem

Quando te dizem para aproveitar para dormir antes de ter um filho, isso é pura verdade e não é exagero. Só que para algumas gestantes isso não é muito possível no final da gravidez, pois o peso da barriga torna o sono incômodo.

Vale lembrar de qualquer forma, que não é possível acumular sono, isso significa que dormir bem na gravidez não resolve muito após o nascimento do filho, que sempre pode chorar nas madrugadas.

Comida fria

Após o nascimento do bebê os pais precisam se revezar na hora da alimentação, ou seja, enquanto um come o outro segura o bebê, o que pode significar que alguém estará sempre ingerindo comida fria. A não ser que o casal tenha uma babá à disposição, a comida fria ou o trabalho de esquentar duas vezes serão as opções por alguns meses.

Não julgue

Criança está sempre testando os próprios limites e também os dos pais. É por isso que às vezes os pequenos fazem birra, tudo para saber até onde seus pais podem ceder quando eles pedem por algo que já foi negado. Não julgue quando vir uma criança fazendo birra com os pais por perto, você também pode passar por isso.

Melhor dizer não agora que sofrer no futuro

Criança precisa de limites e são os pais que precisam determinar esses limites. Dizer sim para tudo o que a criança pede pode não ser uma boa forma de criação, pois pode formar adultos mimados que não conseguem lidar com frustrações.

Medo de deixar o ninho

Uma hora ou outra você vai precisar sair de casa sem seu bebê, deixando-o aos cuidados de uma babá, avós ou alguém próximo de sua confiança. Só que mesmo sabendo que o bebê está sendo bem cuidado, você voltará correndo para casa o mais rápido possível para cuidar de seu filho você mesma.

Leia também:

Você vai precisar de ajuda

Cuidar de uma criança não é fácil, ainda mais para pais de primeira viagem. Dito isso, não é bom ser orgulhoso a ponto de acreditar que não vai precisar de ajuda nessa missão. Você sempre vai precisar de ajuda com os cuidados do bebê, com a casa e até mesmo para sair de casa.

Tudo é passageiro

Por mais que os primeiros meses pareçam uma tormenta e que você não terá forças para mais um mês, não se preocupe, tudo isso logo vai passar, restando apenas lembranças.

Quando dizem para aproveitar ao máximo a companhia do bebê porque ele cresce logo, isso não é nenhum exagero. A dia você vai perceber mudanças nele, e quando menos esperar, vai perceber que ele já não é mais aquele bebezinho de outrora.

Não se cobre de mais

Não seja tão dura com você mesma, não existe mãe perfeita. Todo mundo tem falhas, medos e inseguranças, mas se seu filho está sendo bem cuidado, alimentado e educado, isso já é uma grande vitória. Não se cobre de mais, pois a perfeição não existe e cada filho ama sua mãe como ela é.



Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: