Topo

Detalhes inusitados que a ciência já descobriu a respeito do sexo

Comente

A ciência ao longo dos anos já desvendou uma série de mistérios relacionados à saúde sexual. O detalhe, porém, é que algumas coisas são extremamente inusitadas e outras tantas podem até ser consideradas bizarras. Para ilustrar isso, vamos mostrar a seguir algumas revelações que você provavelmente não conhecia. Veja!

Coisas que você não sabia sobre sexo e sexualidade

Diminuição da autoconsciência

Diminuição da autoconsciência

Segundo informações, quando o corpo atinge o ponto alto da excitação, ou seja, quando a pessoa chega ao orgasmo, o córtex orbitofrontal lateral ficar fora de ar por alguns pequenos instantes. Essa parte do cérebro que fica localizada atrás do olho esquerdo está associada à autoavaliação, autoconsciência e raciocínio. Ela em tese é “desligada” por um pequeno período após o clímax em pessoas de ambos os sexos.

Outro detalhe que a ciência descobriu é que a substância cinzenta periaquedutal, fica anestesiada no cérebro feminino excitado. É como se durante o sexo seu cérebro estivesse “drogando” a pessoa.

Quando se está apaixonado tudo fica mais doce

Quando se está apaixonado tudo fica mais doce

Há quem diga que o amor é a parte mais doce de nossas vidas e isso a ciência pode comprovar. Ao menos é o que sugere um estudo feito em 2013 na Universidade Nacional de Cingapura, onde foram separados grupos de pessoas que deviam pensar sobre amor, ciúmes e outros sentimentos.

Esses grupos receberam alguns doces para degustação e foi pedido para que cada pessoa avaliasse o doce de acordo com sabor, doçura, acidez e amargor. O mesmo teste foi repetido com água destilada e os resultados mostraram que, mesmo com a água tendo um sabor muito suave, o grupo que foi destinado a pensar sobre o amor sentiu um gosto doce na boca, enquanto o que pensou sobre ciúmes sentiu um gosto amargo.

Leia também:

Ainda não descobriram como os homens perderam o osso do pênis

Ainda não descobriram como os homens perderam o osso do pênis

Sim, para quem não sabia, existe uma teoria que defende que os homens já tiveram osso no pênis. Essa parte do membro masculino teria desaparecido com a evolução da espécie. Há também informações de que no passado o pênis teria até mesmo espinho.

Até onde se sabe, esse osso do pênis normalmente era empurrado para fora quando ele tinha que reproduzir. Atualmente o homem não possui osso no pênis e sua ereção fica por conta da circulação sanguínea na região.

Somente as mulheres conseguem deixar a voz mais sexy

Somente as mulheres conseguem deixar a voz mais sexy

Um estudo estudo realizado em 2014, sugeriu que as mulheres são mais propensas a mudarem para deixá-la mais sexy de modo a atrair os parceiros. O levantamento feito com quarenta pessoas entre homens e mulheres, exigia que cada participante mudasse a voz para quatro características distintas, sendo elas: dominância, sensualidade, confiança e inteligência.

Observou-se aí que, para parecer mais sexy a maioria das mulheres abaixa o tom de voz, retarda o discurso e fica um pouco rouca. Já os homens, quando tentaram usar a mesma tática ficaram menos atraentes do que quando usavam a voz normal. O estudo ainda amostrou que homens e mulheres podem parecer mais inteligentes e dominantes, só que as mulheres se esforçam mais para parecer confiantes.

Tamanho do pênis

Tamanho do pênis

Entre a classe dos primatas, os seres humanos estão entre os que possuem o maior pênis, o que faz alguns cientistas acreditarem que o aumento do tamanho do pênis pode ser uma consequência evolutiva.

Seja como for, muita gente acredita que o tamanho do pênis não influencia no prazer sexual da parceira (ou parceiro), até porque, a penetração propriamente dita não é a única forma de se atingir ao orgasmo.

Além disso, de acordo com estudos, mulheres heterossexuais se atraem pela nudez masculina mais pela forma do corpo e sua proporção com o pênis, e não necessariamente o volume propriamente dito.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: