Topo

Coisas nojentas que você não sabia a respeito de banheiros públicos

Comente

Sair de casa com amigos, parentes ou até mesmo sozinho, costuma ser uma boa ideia pra quem quer dar uma “clareada” nas ideias, pensar no futuro ou fugir da rotina. Mas ficar fora de casa por um longo período, implica em uma eventual necessidade de usar um banheiro público, e é aí que mora o problema.

Além do odor que muitas vezes pode ser extremamente forte, os sanitários abertos ao público podem esconder uma série de outras coisa nojentas que a maioria das pessoas nem imagina. A seguir você confere alguns exemplos.

Curiosidades nojentas sobre banheiros públicos

Água do sanitário

A água parada do vaso sanitário é um ambiente propicio à proliferação de germes. Quando uma pessoa urina, uma espécie de névoa pode acabar se formando no vaso, o que eventualmente pode carregar as bactérias até as narinas. Uma dica para evitar essa nojeira, é fechar a tampa do vaso, puxar a descarga e só depois usar o sanitário.

Secador de mão

secador-de-mao

Sabe aqueles secadores de mão com ar quentinho que parecem ser super higiênicos? Pois é, informações sugerem que na verdade eles não são tão limpos assim. Há fontes que afirmam, inclusive, que ele pode ser até vinte vezes mais sujo que toalhas de papel.

Isso porque o ar do aparelho pode levar para suas mãos as bactérias de outras pessoas. O ideal é evitá-los, mas se ele for sua única opção, procure manter o rosto o mais longe possível para evitar uma eventual inalação dos germes.

Leia também:

Sabonete Líquido

Nem sempre lavar as mãos em banheiros públicos te deixa livre de germes. Segundo pesquisadores, até mesmo os sabonetes líquidos oferecidos na maioria dos banheiros, podem trazer nojeira, como por exemplo, matéria fecal, o que para quem usa, seria a mesma coisa de lavar as mãos na água do sanitário.

Esse tipo de problema não costuma ocorrer, no entanto, nos casos dos sabonetes que são disponibilizados em compartimentos fechados que são substituídos por completo quando acabam.

Maçaneta

Maçaneta

Você sabia que a maçaneta da porta do banheiro é o local mais sujo do recinto? Em banheiros masculinos o que predomina nas maçanetas é matéria fechal, enquanto nos femininos são fungos vaginais. A próxima vez que usar banheiro público procure usar uma toalha de papel para abrir a porta.

Elevadores também trazem riscos

Elevadores também trazem riscos

Sim os banheiros público são sujos, mas locais aparentemente limpos podem ser até piores. De acordo com pesquisadores, os botões de elevadores, possuem mais germes que alguns banheiros. Além do mais, o movimento de bactéria em locais pequenos e com pouca ventilação é bem maior.

Banheiros de casa

Mesmo que alguns locais aparentem ser mais sujos que outros, não tem como ficar longe dos germes o tempo todo, e isso nem mesmo em sua própria casa. Para que você tenha uma ideia, cinco horas depois da limpeza do banheiro ele já está imundo novamente e repleto de germes e bactérias.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: