Topo

Os hábitos mais inusitados que as pessoas têm à mesa em outros lugares do mundo

Comente

Muitas pessoas sonham em viajar ao redor do mundo para conhecer diferentes culturas. Mas nem todo mundo se atenta para o fato de que cada cultura possui hábitos diferentes, e coisas que são comuns para os brasileiros podem ser consideradas ofensivas em outras regiões.

Para ilustrar isso, mostramos a seguir uma lista que apresenta alguns dos hábitos mais inusitados que as pessoas têm à mesa em determinados países. Veja!

Hábitos inusitados à mesa

Copo meio cheio

Copo meio cheio

Se for visitar o Cazaquistão, fique atento a como será servido na hora do chá. Considere um privilegiado se a xícara estiver com o líquido pela metade ou até menos da metade, pois no país, se você receber uma xícara cheia é sinal de que o anfitrião não está à vontade com sua presença e quer que você se retire.

Hashis de pé

Hashis de pé

Da próxima vez que visitar uma cozinha japonesa, lembre-se de nunca deixar os hashis em pé. Os japoneses acreditam que deixar os hashis em pés é sinal de insulto a quem preparou a comida e ao dono do restaurante.

Bebendo olhando para horizonte

Bebendo olhando para horizonte

Na Coreia do Sul, é importante tomar muito cuidado ao tomar uma bebida de forma despretensiosa. De acordo com a cultura do país, sempre que se tomar uma bebida, a pessoa deve virá à cabeça e olhar para o horizonte, nada de ficar cabisbaixo enquanto aprecia sua bebida.

Leia também:

Beijando o pão

Beijando o pão

Informações sugere que, na Estônia, o povo local possui um hábito estranho, onde sempre que alguém derruba um pedaço de pão, deve recolhê-lo, dar um beijo e só depois jogá-lo fora. Esse hábito é uma menção ao corpo de Cristo, sendo que o beijo representa respeito.

Prato vazio

Prato vazio

Quando for visitar a França, procure estar com muita fome antes de fazer seu pedido. Os franceses acreditam que se você não limpou o prato comendo toda comida é sinal de que você não gostou do alimento, sendo isso uma espécie de desrespeito ao cozinheiro.

Sem divisão

Sem divisão

Outro costume francês é que além da pessoa comer tudo o que estava no prato, ela ainda deve pagar por tudo que foi consumido em sua mesa. Isso significa que, se você estiver em um restaurante com um grupo de pessoas à mesa, ou você paga a conta inteira ou não paga nada, não invente de querer dividir a conta. Em tese, os franceses veem a famosa “vaquinha” para o pagamento do alimento como algo ofensivo.

Cuidado com o sal

Cuidado com o sal

Tenha cuidado quando visitar o Azerbaijão e evite derrubar sal no local onde estiver fazendo a refeição. Segundo o costume local, deixar sal cair é um mau presságio, que indica que a pessoa em breve estará envolvida em uma briga. Mas se por acaso acontecer de cair o sal, nem tudo está perdido, para cancelar o presságio basta jogar uma porção de açúcar em cima do sal derramado.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: