Topo

Conheça clubes inusitados com regras bizarras para aceitação de novos membros

Comente

A necessidade de se relacionar em grupos, ao que tudo indica é de fato algo nato nos seres humanos. E talvez isso por si só explique a enorme quantidade de clubes e organizações direcionadas a perfis específicos de pessoas. Mas você já parou pra pensar na quantidade de grupos e clubes inusitados que existem ao redor do mundo?

Pois se nunca pensou nisso, você vai se surpreender com a lista que apresentamos a seguir. Ela mostra alguns dos clubes com as regras mais inusitadas na hora de aceitar novos membros. Confira!

Clubes que tem regras inusitadas para aceitarem novos membros

O Clube do Bife

O Clube do Bife

O Clube do Bife é um clube britânico que teria sido fundado há mais de trezentos anos, ele também é conhecido como Sociedade Sublime do Bife. Até onde se sabe, esse clube reúne pessoas que comem e falam sobre bife e ainda cantam canções sobre o mesmo. Em tese ele tem apenas vinte quatro membros e para que um novo seja aceito é preciso que outro morra.

A Sociedade Giga

A Sociedade Giga

Informações sugerem que essa seria uma pequena sociedade com apenas seis membros. Para ser um integrante do grupo não é necessário ter dinheiro ou poses. A única coisa que se deve fazer para ser um membro dessa sociedade é ter um QI acima de 195.

Entre os membros da sociedade, dois deles moram nos Estados Unidos e os outros quatro na Europa. De acordo com o site dessa sociedade, apenas uma em um bilhão de pessoas pode estar qualificada para ser um dos membros.

Leia também:

Tie Club Clube da ejeção

Tie Club Clube da ejeção

De acordo com informações, o clube Tie Club Clube da ejeção, teria cerca de 5607 membros, sendo apenas dez mulheres. Mas para entrar para esse grupo, é preciso ter espírito de aventura, o teste para entrar seria sobreviver a uma ejeção de um avião militar.

O Escombros Club

O Escombros Club

Esse clube na verdade, seria uma espécie de encontro de arquitetos. É como se fosse uma rede de apoio de arquitetos que tiveram um ou mais trabalho demolido. De acordo com o site The Rubble Club, esse grupo foi fundado na escola Aberdeen of Architects no final dos anos noventa.

O autor teria dito: “Nós não queremos envergonhar as pessoas. Não há nenhuma lista de membros real. Somos os únicos em que o auto-conhecimento é a única via para a adesão!”.

A Associação Mundial de Pessoas Feias

A Associação Mundial de Pessoas Feias

Informações sugerem que esse clube seria uma espécie de comunidade de “autoajuda”. Um de seus lemas seria uma das frases do rapper Xzibit: “A beleza é apenas superficial, mas o feio vai direto para o osso”.
O WAUP ou Club dei Brutti, na Itália, teria como finalidade ajudar os membros a se aceitarem da forma que são, superando os medos e eventualmente conseguindo um novo amor.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: