Topo

Conectado sim, desprevenido nunca! Veja dicas pra não cair em 'ciladas' no WhatsApp

3.33 / 5 - 3
Comente

O WhatsApp já é na atualidade um dos aplicativos mais utilizados do mundo, mas, como era de se esperar, toda essa popularidade acabou trazendo também alguns riscos para os usuários do serviço.

Isso porque quanto mais pessoas utilizando uma determinada ferramenta online, maior é também o número de criminosos virtuais interessados em tirar proveito da situação.

E entre os golpes mais comuns aplicados recentemente em usuários do WhatsApp, estão os apresentados com uma falsa promessa de cupom de desconto ou mesmo de mudança na cor do app.

Essas estratégias são lançadas pelos criminosos para roubar dados financeiros e pessoais dos usuários e na maioria das vezes se espalham rapidamente por meio de grupos existentes no serviço. Sabendo disso, portanto, decidimos listar a seguir um conjunto de dicas que podem livrar você de uma dessas “ciladas” virtuais. Veja!

Segurança no WhatsApp – veja as dicas

Dicas do WhatsApp

Nada de links desconhecidos ou arquivos com conteúdo duvidoso

Como já mencionado, o WhatsApp é um serviço extremamente popular, pelo que, qualquer usuário está sujeito a receber mensagens até mesmo de desconhecidos, o que exige atenção redobrada.

Dito isso, o melhor a fazer é não clicar de imediato em nenhum link encurtado ou suspeito. Nesse caso o melhor a fazer é perguntar ao contato do que se trata e só seguir adiante se o mesmo for de confiança. Muitos vírus podem ser disseminados por meio de um simples link, então todo cuidado é pouco.

É importante dizer também que os criminosos podem utilizar ainda arquivos de áudio, vídeo e até imagem para enviar vírus pelo WhatsApp. Uma vez instalados, alguns vírus podem monitorar e acessar todas as atividades do usuário.

O cuidado nesse caso é similar ao do caso dos links, o melhor é baixar arquivos somente de contatos confiáveis e sempre confirmar a qualidade o arquivo antes de proceder com o download.

Leia também:

Nada de versões falsas e/ou “coloridas” do serviço

O serviço alerta que versões não autorizadas do aplicativo, como, por exemplo, o WhatsApp Plus e o WhatsApp Azul, também podem prejudicar o funcionamento dos aparelhos e até instalar vírus nos mesmos. Dito isso, o melhor é optar pela versão oficial e não abrir mão da segurança. Fuja das versões falsas ou “coloridas”.

Cupons promocionais são suspeitos

Se um usuário não se cadastrou pra receber nenhum tipo de promoção mas mesmo assim recebeu um cupom pelo WhatsApp, desconfie, mesmo que a chamada seja pra uma loja famosa.

O melhor a fazer antes de clicar em algum link ou “voucher” que pode ser prejudicial é ligar para a loja que supostamente estaria oferecendo o desconto e tirar a dúvida sobre a legitimidade do desconto recebido.

Nada de dados bancários ou pessoais nas mensagens

Por mais óbvia que essa dica possa parecer, o fato é que muita gente comete esse tipo de erro. Então para que fique claro mais uma vez, ninguém nunca deve enviar dados bancários e/ou pessoais por meio de mensagens, nem mesmo para amigos.

Isso porque a mensagem pode ser interceptada por terceiros interessados em tirar proveito dessas informações, hackeando contas bancárias ou cometendo qualquer outro crime dessa natureza.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: