Topo

Saiba como identificar alguns sintomas da neuropatia periférica

Comente

As dores indicam uma série de condições pelo qual o corpo está passando naquele momento, sendo o sintoma de uma série de doenças diferentes.

Muitas vezes, as dores e tornam tão comuns na rotina das pessoas que elas simplesmente se acostumam e incorporam como algo natural. Mas é sempre ter em mente que nenhuma dor pode ser considerada como algo natural. 

Uma das causas mais comuns para alguns tipos de dores é o que pode ser chamado de neuropatia periférica. Basicamente é uma doença que afeta os nervos periféricos de uma forma gera, que são aqueles responsáveis pela comunicação entre corpo, cérebro e medula espinhal. 

Veja também:

Todos os órgãos do corpo precisam trabalhar em conjunto para garantir o funcionamento do sistema. Os nervos são parte fundamental neste processo como um todo, pois eles levam informações e comandos do cérebro e da medula espinhal para o restante do esqueleto. Quando algum problema, como a neuropatia, afeta estes nervos, ele passa a exibir uma grande sensibilidade que se traduz em dor nas regiões do corpo para os quais eles precisam levar algum tipo de informação. 

Saiba como identificar alguns sintomas da neuropatia periférica

Fatores de risco para neuropatia periférica

Existem algumas pessoas que acabam se enquadrando em diversos fatores de risco em relação a esta doença. Geralmente as pessoas que possuem diabetes estão mais propensas a ter o problema. Além disso, pessoas que abusam do álcool ao longo de boa parte da sua vida, ou ainda pessoas que tenham doenças autoimunes ou doenças infeciosas também podem acabar entrando para o grupo de risco. 

Principais sintomas da neuropatia periférica

Os principais indícios desta doença acabam aparecendo nas regiões que podem ser consideradas como periféricas do corpo, como mãos, braços, pernas e pés. Alguns dos principais indícios da doença são: dor em queimação, dormência, sensação de formigamento ou pontadas. Porém, perda de força, cãibras, contrações e problemas musculares ao realizar atividades simples do dia a dia, como dificuldade para se levantar pela manhã, também podem aparecer.

Tratamento da neuropatia periférica

Os tratamentos deste problema visam especialmente controlar a dor e garantir que os nervos não sejam muito prejudicados para não causar danos que possam ser considerados como irreversíveis. São utilizados medicamentos para controle da dor e, em alguns casos, recomenda-se fazer fisioterapia como um trabalho para aumentar a resistência de uma determinada parte do corpo contra a dor. 
 




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: