Topo

O que fazer para prevenir doenças nervosas periféricas

Comente

A região é responsável por captar, interpretar e reagir a estímulos que somos submetidos, o sistema nervoso é o que nos faz capazes de sentir e de responder a mudanças de ambientes que estamos e o nosso organismo.

Há no sistema nervoso a divisão em duas partes, o sistema nervoso central, formado de cérebro e medula espinhal, e o sistema nervoso periférico, este formado por nervos, gânglios além das terminações nervosas.

Conforme especialistas, os nervos são estruturas que possuem o formato de fitas ou de cordões, estes que servem de conexão entre o sistema nervoso central e órgãos e sistemas do corpo.

O que fazer para prevenir doenças nervosas periféricas

Veja também:

O sistema periférico garante uma transmissão de informações dos órgãos sensoriais para o sistema nervoso central, e dos mesmos para os músculos, as glândulas e células endócrinas.

Sinais de alerta que não devem ser ignorados

Sempre que os nervos motores, que controlam a ação dos músculos passam por algum tipo de lesão, os músculos podem ficar fracos ou mesmo paralisados. A partir disto, as doenças que acometem os nervos motores podem ocorrer de forma progressiva, e muitas vezes de forma fatal. Estas situações podem ser hereditárias ou adquiridas, geradas por fatores como por exemplo toxinas, lesões, infecções, ou até mesmo disfunções metabólicas ou de trato inflamatório.

Como prevenir o problema

Para que você possa manter seus nervos saudáveis, é interessante manter o corpo saudável de forma geral. Especialistas recomendam alguns cuidados que precisam ser mantidos diariamente, como por exemplo não ingerir bebidas alcoólicas e não consumir cigarros, fazer exercícios de forma regular, ter alimentação balanceada, manter o peso adequado, dormir bem e beber muita água. Estes são hábitos que auxiliam a manter o sistema nervoso funcionando bem sem maiores riscos.

Outra dica fundamental é procurar fazer exames de rotina regularmente, pois outras doenças, entre elas a insuficiência renal crônica, disfunções de tireóide, neoplasias, infecções crônicas, poderão afetar a saúde de nervos periféricos.

Procure sempre que possível ter uma alimentação balanceada, realizar exercícios físicos aeróbicos, se movimente no trabalho sempre que possível, procure ter atenção a postura e pontos de apoio, atividades ao ar livre com exposição moderada ao sol, e que proporcionem prazer, são algumas das diversas atitudes que podem fazer toda a diferença e prevenir doenças, além de aumentar a sobrevida em idades mais avançadas.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: