Topo

Confira alguns cuidados ao usar descongestionante nasal

Comente

Problemas respiratórios, especialmente aqueles que são localizados no nariz, são bastante comuns ao redor do mundo inteiro. Com isso, os descongestionantes nasais acabaram assumindo o posto de um dos remédios mais vendidos. Afinal de contas, basta apenas utilizar algum spray ou utilizar algumas gotas para que as pessoas consigam respirar de uma forma melhor.

O problema é que muitas pessoas simplesmente esquecem que os descongestionantes não deixam de ser um medicamento, e que seu uso precisa ser feito com responsabilidade, sempre de olho em possíveis efeitos colaterais que as substâncias utilizadas podem acabar causando.

Confira alguns cuidados ao usar descongestionante nasal

Confira alguns cuidados que as pessoas precisam tomar ao usar descongestionante nasal:

Evite o uso prolongado

Veja também:

Como se trata de um medicamento, o recomendado sempre é que as pessoas utilizem apenas durante o tempo indicado pelo médico para o tratamento. E isso é importante pois grande parte destes medicamentos contam com substancias como nafazolina, a fenoxazolina e a oximetazolina, que são conhecidas por causas dependência química e podem causar efeitos colaterais, tais como rinite medicamentosa, arritmia cardíaca, taquicardia, hipertensão arterial, dentre outros.

Utilize apenas quando for necessário

De forma geral, os descongestionantes nasais devem ser utilizados nos casos nos quais os pacientes estão sofrendo com congestionamento nasal grave ou então quando eles são indicados pelos médicos. Quando as pessoas começam a utilizar o remédio quando não existe necessidade, o organismo vai acabar pedindo cada vez mais para conseguir resolver os problemas.

Fique de olho nas recomendações da bula

Além das instruções que estão presentes na bula do remédio, que vai ajudar as pessoas a utilizar o produto da maneira correta para que ele possa ser mais efetivo, o documento também conta com informações importantes relacionadas as pessoas que não podem utilizar aquele determinado produto. Geralmente os descongestionantes não são recomentados para pessoas com sensibilidade a alguma substância presente na fórmula. Grávidas, por exemplo, só devem usar Rinosoro, que é um medicamento que não contém vasoconstritor em sua fórmula. Já crianças menores de 6 anos não devem usar descongestionantes contendo pseudoefedrina, oximetazolina, fenilefrina e xilometazolina.

Utilize da maneira correta

Para os descongestionante que são oferecidos no formato liquido em gotas, as pessoas devem reclinar a cabeça para trás, pingar as gotas indicas pelo médico em cada narina e depois girar suavemente a cabeça para os lados para garantir que toda a mucosa tenha contato com a medicação.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: