Topo

Veja 5 maneiras horríveis de anunciar o fim de uma relação e evite-as

Comente

Terminar um relacionamento, sabidamente não é uma missão fácil. E diante de um momento delicado como esse, todo cuidado é pouco para que ninguém acabe sofrendo além do necessário.

Dito isso, algo que pode ajudar a amenizar os danos na hora de informar a opção pelo fim da relação é escolher a maneira menos covarde possível para dar a notícia.

É claro que não existe um guia padrão para esse tipo de situação, no entanto, sem dúvida existem alguns caminhos que podem e devem ser evitados. A seguir apresentamos alguns exemplos.

Como ninguém deveria terminar um relacionamento

Como não terminar um relacionamento

Por telefone

Pra tudo há exceção, mas, convenhamos que de modo geral praticamente ninguém merece ser informado do término da relação por telefone, certo? Durante o relacionamento o telefone é até útil para namorar, trocar informações, etc, mas para terminar um affair, não dá, né?!

Em post-it

E se terminar um relacionamento por telefone já é por si só algo ruim, imagine terminar com um bilhete, como aconteceu certa vez com a personagem Carrie Bradshaw, na série “Sex and the City”.

A mensagem é clara: uma pessoa que não tem atitude suficiente para terminar um relacionamento cara a cara provavelmente nunca esteve de fato pronto para algo mais sério.

Leia também:

Trocando mensagem

Terminar um namoro (ou outra relação) por mensagem de texto ou e-mail tende a ser ainda pior do que por carta ou telefone. Por mais que a mensagem especifique as causas e motivações para o término do relacionamento, a sensação de vazio e desespero de quem recebe a notícia dessa forma pode ser inevitavelmente maior.

O mesmo vale para os casos de mensagens enviadas por aplicativos modernos como WhatsApp, Skype, Telegram e similares.

Em véspera comemorativa

E aqui temos uma das piores maneiras de se terminar um relacionamento. Deixar pra avisar a pessoa sobre o adeus à relação logo na véspera de uma data comemorativa é algo que até soa com certo tom de crueldade em relação às emoções do futuro ex.

Isso vale para datas comemorativas pessoais ou mesmo feriados nacionais, do carnaval ao aniversário. Na maioria das vezes, quem decide terminar um relacionamento dessa forma acaba deixando a impressão de que nunca teve muita consideração pelo sentimento alheio.

Por videoconferência

Não se engane com o fato de que por videoconferência é possível ver a pessoa na hora da conversa, a situação aqui é tão inconveniente quanto o término por telefone.

E não adianta imaginar que esse pode ser um bom recurso para os casos de namoro à distância, quem percorre um longo trajeto para namorar alguém eventualmente precisa arrumar também um jeito de encontrar esse alguém para explicar as causas do fim do relacionamento.

Vale dizer mais uma vez que há sempre exceções, mas, se um “cara a cara” for realmente possível, o esforço tende a valer a pena.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: