Topo

Caminho do paraíso: veja 10 trilhas paradisíacas incríveis para fazer no Brasil

Comente

A paixão por trilhas, é algo compartilhado por muitos turistas ao redor do mundo, e não sem motivo. A sensação de descoberta a cada metro percorrido em uma boa trilha, é seguramente uma das mais incríveis experiências que um viajante pode ter.

Mas sabe o que é ainda melhor? A certeza de que ao final do percurso, há um lugar incrivelmente paradisíaco aguardando para ser explorado. E felizmente, o Brasil é um país que abriga inúmeros destinos com essa possibilidade.

Para quem não dispensa uma aventura e é apaixonado por trilhas, portanto, é hora de conhecer algumas das alternativas mais interessantes ao redor do país. A seguir preparamos uma lista com lugares que você certamente vai querer visitar em sua próxima viagem. Confira!

Trilhas para lugares paradisíacos que vale a pena conhecer

Pedra da Macela, Cunha

pedra-macela

Quem é de São Paulo, não tem muitos motivos para não passar bons momentos na Pedra da Macela. Trata-se de um grande achado da região devido à grande quantidade de passeios e lugares charmosos que abriga. Do alto da pedra, que fica na divisa entre São Paulo e Rio de Janeiro, o visitante consegue avistar Ilha Grande e as baías de Paraty e Angra dos Reis. Que tal?!

Como se não bastasse, o percurso até lá está longe de ser os mais desanimadores, a começar pelo fato de que, boa parte do caminho é feita de carro, restando apenas 2 quilômetros de caminhada até o topo. É claro que os menos habituados com esse tipo de programa, podem encontrar alguma dificuldade a princípio, mas o esforço seguramente vale a pena.

Pedra do Baú, Campos de Jordão

pedra-bau

Quase tão próxima de São Paulo quanto a cidade de Cunha, Campos de Jordão abriga a Pedra do Baú, outro grande tesouro para os fãs de trilhas. Com sua altitude de quase 2 quilômetros, o Complexo do Baú é uma grande formação de rochas vista como um dos principais cartões postais do município.

O detalhe aqui, é que a trilha pode ser feita de carro até a chamada Pedra do Bauzinho, onde a vista já é maravilhosa. Só que para quem busca uma aventura maior, há a possibilidade de subir ao topo da pedra maior por meio de uma trilha que pode ser vencida em um período aproximado de uma hora e meia.

Praia do Bonete, Ilhabela

praia-bonete

Se você gosta de lugares paradisíacos, é possível que já tenha ouvido falar da Praia do Bonete, na região de Ilhabela, certo? Pois bem, trata-se de uma das mais belas prais do país, sendo, no entanto, acessada por meio de uma trilha bastante cansativa para os menos familiarizados com a prática.

Ao todo são cerca de 15 quilômetros por uma trilha que, apesar de bem sinalizada, demanda entre 3 e 5 horas de caminhada. O trajeto começa na Ponta da Sepituba, a cerca de 2 km do ponto final do ônibus. Um detalhe interessante é que além da praia incrível, o turista encontra uma trilha para acessar a Cachoeira da Lage e outra para praias próximas.

Leia também:

Praia do Sono, Paraty

praia-do-sono

Em Paraty, no Rio de Janeiro, a Praia do Sono é uma das que costumam encantar as vistas dos visitantes. Para conferir de perto sua beleza ímpar, no entanto, o turista precisa pagar um preço: uma trilha de 2 horas a pé a partir do Condomínio Laranjeiras, que fica na estrada de Trindade.

Outra possibilidade para quem dispensa a aventura, é pegar um barco em Paraty ou Trindade, pois há empresas que realizam o transporte até a praia. Independente do método escolhido, o passeio vale muito a pena, já que além da beleza, a praia é uma das mais bem cuidadas no litoral do Rio de Janeiro.

Praia do Aventureiro, Ilha Grande

prai-do-aventureiro

Localizada em Ilha Grande, o nome dessa praia fala muito sobre o tipo de passeio que o turista vai encontrar: Praia do Aventureiro. A cidade carioca abriga algumas das mais belas praias do país, e no caso da Praia do Aventureiro, o lugar é um espetáculo à parte.

Trata-se de uma praia cartão-postal da região, repleta de areias brancas e águas de cor turquesa. O trajeto até lá é feito pela rota T9, que faz a conexão entre Provetá e o Aventureiro. O tempo gasto entre ida e volta é de cerca de 6 horas. Imperdível.

Morro Dois Irmãos, Rio De Janeiro

morro-dois-irmaos

Ainda no Rio de Janeiro, e dessa vez na capital, os visitantes também podem conhecer de perto o Morro Dois Irmãos, que é um dos cartões-postais da cidade. O lugar proporciona uma incrível vista da região e suas belas praias.

A aventura começa no Vidigal, nas proximidades da Vila Olímpica, e inclui subidas. Ao todo são 1,6 quilômetros de percurso, o que demanda um período de 1 a 2 horas de caminhada.

Cachoeira Santa Bárbara, Chapada dos Veadeiros

cachoeira-santa-barbara

Indo para o estado de Goiás, a opção interessante que se desenha é a da Cachoeira de Santa Bárbara, na Chapada dos Veadeiros. Por lá, as águas cristalinas são um espetáculo á parte, o que permite ao visitante uma clara visão da areia branca no fundo da água, realçando assim o teor paradisíaco do lugar.

O percurso até o lugar inclui caminho de 6 quilômetros que podem ser feitos a pé ou em carros 4×4. Para os aventureiros, a trilha demora cerca de 2 horas e só pode ser feita com guia turístico, o custo é de R$ 10 por pessoa.

Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

cachoeira-da-fumacinha

E já que entramos na onda das cachoeiras, eis aqui outra opção incrível localizada na Chapada Diamantina, na Bahia. Trata-se da queda d’água mais escondida e também uma das mais belas da região.Como você pode ter imaginado, para acessar o lugar é preciso disposição e muito preparo físico.

Ela fica em meio a um cânion estreito e a trilha é feita com ajuda de um guia turístico. O trajeto é dividido em duas partes, sendo uma com trilha que cerca as formações rochosas e outra que atravessa rios e inclui saltos em pedras, o que exige um pouco de equilíbrio. No fim das contas, todo o esforço acaba compensado com a mágica vista da icônica cachoeira.

Cachoeira Véu da Noiva, Chapada dos Guimarães

cachoeira-veu-da-noiva

Ainda falando de trilhas para cachoeiras, não poderíamos deixar de fora a Cachoeira Véu da Noiva, localizada no Mato Grosso. Um detalhe interessante é que aqui o percurso não é dos mais difíceis, a ponto de nem exigir acompanhamento de guia turístico.

O percurso é de cerca de 600 metros e conduz o visitante a um mirante de onde é possível ter vista privilegiada da icônica queda d’água.

Lagoinha Leste, Santa Catarina

lagoinha-leste

E em Santa Catarina, uma boa opção para os viajantes é a trilha da Praia da Lagoinha Leste. O destino é ideal principalmente pra quem não dispensa tranquilidade diante de uma vista paradisíaca.

Ela possui águas esverdeadas e é praticamente inexplorada, sendo acessível por uma trilha de 1h30 pela mata. O início da jornada é ao sul da Praia do Matadeiro, e o trajeto compensa bastante para quem gosta de privacidade.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: