Topo

Com faturamento de US$ 524 milhões 'Jurassic World' se torna maior estreia da história

Comente

O aguardado “Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros” surpreendeu até mesmo os mais otimistas em sua estreia. O filme simplesmente redefiniu a liderança no ranking de maiores bilheterias, tornando-se assim o filme com a melhor estreia da história, tanto no mercado doméstico quanto no cenário mundial.

A seguir você confere os detalhes sobre o novo blockbuster do ano e as bilheterias do cinema.

Veja detalhes sobre as bilheterias e o sucesso de “Jurassic World”

bilheteria-jurassic-world

Segundo informações divulgadas na última segunda-feira pela própria Universal Pictures, responsável pela produção do longa, “Jurassic World” obteve um faturamento global de US$ 524,1 milhões em sua estreia.

Desse total arrecadado, US$ 208,8 milhões veio das bilheterias norte-americanas, pelo que, o filme superou os US$ 207,4 milhões de “Os Vingadores”, que haviam estabelecido recorde histórico em 2012.

Não obstante, os US$ 315,3 milhões restantes que o filme arrecadou em sua estreia no cenário internacional, representou um outro recorde: o de maior bilheteria internacional na estreia. O longa ultrapassou a marca de US$ 314 milhões conquistada em 2011 por “Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2”.

Leia também:

O filme dos dinossauros retoma a franquia quase uma década e meia depois do fim da trilogia original, mas a julgar pelo estrondoso sucesso da nova obra, as próximas sequências não devem demorar nem 1/3 desse tempo para chegar às telonas.

Com uma nova roupagem, o longa traz um toque capitalista a um mundo no qual os dinossauros vivem na mesma época dos humanos, dentro de um parque temático.

A obra que é estrelada por Chris Pratt e Bryce Dallas Howard, custou para as produtoras Universal Pictures e Legendary Pictures o equivalente a US$ 150 milhões, pelo que, o estúdio conseguiu entrar facilmente no lucro nesse fim de semana, tendo inclusive superadas as expectativas iniciais que eram de um lucro na casa dos US$ 121 milhões.

Graças ao resultado de “Jurassic World” e filmes como “Velozes e Furiosos 7” e “Cinquenta Tons de Cinza”, aliás, a Universal ainda conseguiu bater outro grande recorde. O estúdio entrou pra história como o que mais rapidamente atingiu a marca de US$ 3 bilhões na bilheteria mundial em um ano.

Um anúncio feito por Duncan Clark, presidente de distribuição da Universal, na quinta-feira, 11 (quando o estúdio ainda não havia chegado aos US$ 3 bilhões no ano) e publicado pelo site Coming Soon, mostrou a satisfação do estúdio com os resultados.

“Nosso sucesso contínuo deste ano tem sido impulsionada pela capacidade do estúdio para construir novas franquias como ‘Cinquenta Tons de Cinza’ e manter o sucesso de outras, como ‘Velozes e Furiosos’. Este foi realmente um esforço de equipe em todo o mundo. Estamos orgulhosos de compartilhar esta realização, não só com a nossa liderança em Londres e Los Angeles, mas com as nossas equipes locais que trabalharam incansavelmente para tornar este um dos mais emocionantes anos da história do nosso estúdio”, afirmou.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: