Topo

5 lugares e serviços inusitados que atendem swingers

Comente

Casais liberais e pessoas que em geral não curtem a monogamia, hoje em dia já têm à disposição muitos lugares onde podem curtir os desejos carnais sem julgamentos e com a liberdade que sempre desejaram. Alguns dos serviços e ambientes são no mínimo, curiosos. A seguir você conhece alguns exemplos onde os adeptos da prática do swing podem procurar diversão e sexo sem compromisso.

Lugares e serviços direcionados aos fãs do swing (troca de casal)

Cruzeiro para liberais

Cruzeiro para swing (troca de casal)

Sim, é possível atravessar as águas cristalinas do mar do Caribe em um luxuoso navio de cruzeiro conhecendo sexualmente diferentes tipos de pessoas, além do próprio parceiro. Playrooms e jogos de sexo estão entre as atrações dirigidas pelo grupo original com sede no México.

Mesmo sendo um cruzeiro para pessoas liberais, existem certas regras a serem respeitadas. Em alguns casos, por exemplo, os convidados podem se comportar e se vestir de forma sensual e ficar perto da piscina, mas não ter relações sexuais na água. Para isso servem os playrooms, os lugares públicos onde as relações sexuais são permitidas.

Apartamento para pessoas liberais

5 lugares e serviços inusitados que atendem swingers

Veja também:

Em 2014, um complexo de condomínios no Brooklyn passou a oferecer uma experiência de vida única para os nova-iorquinos de mente aberta. "Open Love NYC" criou um edifício de 15 quartos em Bushwick, criando para pessoas que procuram relacionamentos abertos.

De acordo com o agente de imóveis e co-fundador do Open Love NY, as pessoas que decidem morar no local devem aceitar os estilo de vida dos demais inquilinos, até porque o local não foi projetado para ter sexo o tempo todo.

Igreja para swingers

Igreja para swing (troca de casal)

Por seis noites por semana, no centro de Nashville, swingers podem se reunir em festas para casais e solteiros. Lá é possível dançar, flertar e se misturar. Por lá, muitas vezes as pessoas levam a festa para cima, onde há camas privadas, balanços de amor, áreas de jogo em grupo, sala "Sybian", ou a masmorra.

O grupo de swingers privados foi fundado em 1980 e decidiu que estava pronto para se mudar para os subúrbios, mas o lugar não deu certo, então o clube comprou um prédio ao lado de uma escola cristã. Obviamente os residentes protestaram tentando impedir que o clube funcionasse.

Então, eles tiveram um novo plano, dizendo que o clube era uma igreja para os swingers, dessa forma eles conseguiram se engajar na prática regular de sua fé. De acordo com um advogado, membro da igreja, no local não há nenhuma prática de sexo, o que não impede que seus membros se reúnam no local e saiam para se divertir em outro local.

Festival de Swingers ao ar livre

Festival de swing (troca de casal)

Notícias sugerem que um festival ao ar livre da Grã-Bretanha é direcionado a swingers. O festival acontece durante um fim de semana e conta com certa de 700 devotos. A ação começa em um campo enlameado, com barracas que oferecem diferentes "delícias". Mas em vez de música em oferta, a proposta inclui várias formas de sexo.

Camping para swingers

Acampamento para swing (troca de casal)

Segundo informações, localizado na frondosa região de Dordogne, na França, está um camping especialmente direcionado a swingers. O lugar oferece uma variedade de atividades, entre elas "jogos impertinentes" e "aeróbica de conscientização muscular".

O proprietário do local, que dirige o parque com sua esposa, Sandra, diz que seu objetivo é fazer as férias swinger mais acessíveis com pernoites a partir de € 25. A diária também pode ser comprada por mulheres solteiras no valor de € 12 e homens solteiros € 45. As pessoas que entram no parque recebem uma pulseira de identificação que indica se são solteiros ou casados.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: