Topo

Curiosidades sobre os bichos-preguiça

Comente

Os bichos-preguiça acabaram se tornando muito famosos justamente por ter uma grande preguiça do mundo. Acabou até mesmo se tornando apelido das pessoas que não gostam de se movimentar muito e preferem dormir do que fazer qualquer tipo de coisa de uma forma mais produtiva.

Confira algumas curiosidades interessantes sobre os bichos-preguiça:

Curiosidades sobre os bichos-preguiça

Pane com o calor

Sim, estes animais realmente são lentos por um motivo. Mas o que muitas pessoas não sabem é o que leva estes animas a ficarem dessa forma. De acordo com uma pesquisa recente, o metabolismo deles simplesmente entram em pane quando está muito calor. Além disso, como eles comem apenas frutinhas, e isso faz com que eles não tenham uma grande variedade de nutrientes disponíveis em seu corpo.

Come o que cresce no próprio corpo

Um outro sinal de que este animal realmente pode ser considerado como um dos mais preguiçosos da natureza está no fato de que eles acabam deixando algas crescerem em seu próprio corpo para que elas sirvam de petiscos ao longo dos dias. As traças que ficam pelo seu corpo também acabam ajudando a fazer com que as algas.

Descem apenas para fazer cocô

O sistema digestório destes animais, assim como tudo relativo a este animal, funciona de uma forma bastante lenta. De acordo com pesquisas, eles costumam fazer cocô apenas uma vez por semana. Neste dia elas acabam descendo das árvores. Acontece que as fezes do bicho-preguiça serve de ninho para ovos de traça, e é por isso que os bichos-preguiça descem de suas árvores para defecar, para que as traças cresçam bem e para que ambos continuem se beneficiando da existência do outro.

Parentes de tamanduás

Estes animais preguiçosos possuem alguns parentes bastante inusitados e que possuem um comportamento bem diferente do que se espera. Dentre os seus principais primos na natureza estão os tamanduás e também os tatus.

Sabem nadar

Mesmo que eles tenham um ritmo bem lento e diferente do que se espera dos animais na natureza, o fato é que eles sabem fazer algo que muitos humanos não fazem: nadam rapidamente. Diversas pesquisas provam que eles conseguem se locomover melhor na água do que em outros ambientes. Especialmente quando estão buscando outros bichos-preguiça para acasalar.

Agarrados até na morte

Os bichos-preguiça conseguem se agarrar tão bem nas árvores que eles costumam ficar ali presos até quando morrem.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: