Topo

Depilação íntima, feminina e masculina, vale a pena? Veja os cuidados que se deve tomar

Comente

A depilação intima total ou quase total aparentemente tem deixado de ser a preferência de homens e mulheres, principalmente nos Estados Unidos, onde por muito tempo foi tendência e muito bem vista pela ala feminina.

Depilação íntima, feminina e masculina, vale a pena? Veja os cuidados que se deve tomar

depilacao-intima-feminina-e-masculina

A mídia tem mostrado recentemente que a nova onda é optar por um estilo mais voltado ao natural, de modo que os pelos sejam sequer aparados. Fora do Brasil a tendência começou com a cantora Lady Gaga, que ao ser fotografada para a capa da revista Candy mostrou ao público seus pelos pubianos.

Outra que também aderiu ao natural é a atriz Gwyneth paltrow que participou do filme Homem de Ferro 3, ela revelou que prefere um look mais atual com estilo dos anos 70. A atriz Cameron Diaz que publicou recente um livro cujo título éThe Body Book, dedicou um capitulo inteiro aos pelos pubianos, ela declara ser contra a depilação, e diz que os pelos pubianos devem servir como uma espécie de cortina para o galanteio masculino, deixando que eles deixem a imaginação voar criando um certo mistério sobre o tesouro ali escondido.

Será que a onda do natural vai pegar no Brasil?

Pelo visto algumas atrizes Brasileiras estão querendo também popularizar a moda ao natural, quem recentemente gerou muito burburinho em relação aos pelos pubianos foi a atriz Nanda Costa, que posou para a PlayBoy em Agosto do ano passado, deixando o público em alvoroço quanto ao seus fartos pelos.

Apesar de algumas famosas Brasileiras e diversas Norte-americanas serem adeptas do modelo “in natura” na região pubiana, o fato é que essa moda está longe de ser tendência entre o público mais jovem no Brasil, por aqui, boa parte da ala feminina ainda prefere ficar com a região pubiana lisinha, pelo fato desse estilo transmitir uma sensação maior de pele bem cuidada e higiene.

Em meio a tanta polêmica surgida nos últimos anos em relação a depilar ou não os pelos pubianos, o fato é que muitas pessoas ficam em dúvida em relação à melhor escolha principalmente do ponto de vista da saúde, na sequência você confere alguns detalhes que podem ajudar a esclarecer as dúvidas.

Leia também:

A depilação vale ou não a pena do ponto de vista da saúde? Quais os cuidados?

Para alguns ginecologistas a depilação pode ser um fator que favorece a higiene intima, isso porque os pelos podem reter algum tipo de resíduo como suor e urina, ou ainda resíduos de produtos de higiene como papel higiênico, por exemplo. Por outro lado, existem médicos que defendem que os pelos não devem ser aparados, pelo fato de protegerem a região íntima.

Diante dessa divisão de opinião é praticamente impossível chegar a uma resposta definitiva sobre o assunto, entretanto, sabe-se que ambos os casos exigem cuidados.

Cuidados com o look natural

Ao adotar o look natural com o objetivo de proteger a região íntima, deve-se ainda assim mantê-la higienizada, e isso indubitavelmente passa por aparar os pelos regularmente e lavar da maneira correta a região, além de evitar ao máximo o uso de roupas que dificultem a transpiração da região.

Proteção natural

Quem opta por depilar os pelos pubianos, precisa ter em mente que muitos médicos condenam essa atitude, uma vez que, na opinião deles os pelos podem proteger a região de  impurezas, por isso, nesse caso deve se redobrar os cuidados, evitando entrar em contato com todo e qualquer tipo de impureza, como poeira, produtos químicos, e até mesmo suor, pelo que, será também necessário utilizar roupas que permitam a transpiração da região íntima.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: