Topo

Rituais insanos aos quais muitas mulheres ainda estão sujeitas ao redor do mundo

Comente

Mesmo com todo avanço da humanidade, hoje ainda existem povos e culturas que praticam rituais desumanos com mulheres, seja em nome de alguma divindade, por interesse ou puro desejos de alguns homens. A seguir você confere alguns rituais grotescos aos quais muitas mulheres ainda são submetidas. Veja!

Rituais horríveis aos quais mulheres ainda são submetidas

Dentes quebrados

Dentes quebrados

Uma tribo conhecida como Mentawaians, que vive na Ilha de Sumatra, na Indonésia, submete suas mulheres a passar por um ritual extremamente doloroso. O ritual é realizado pelo xamã e consiste em colocar um tipo de lâmina entre os dentes da mulher para com auxílio de uma rocha, quebrar a extremidade dos dentes, tudo para que mudem a forma natural e fiquem com aparência de dentes de tubarão.

O ritual é realizado sem nenhum tipo de anestésico e é feito com única função de deixar a moça boxnita, pois os homens da tribo se atraem por mulheres com dentes pontudos.

Remoção parcial ou total do clitóris

Remoção parcial ou total do clitóris

Uma tribo conhecida como Sabiny, da Uganda, possui um dos rituais mais insanos dos quais se tem notícia. Nele as meninas perdem parcialmente ou completamente o próprio clitóris. Como o ritual é realizado sem o menor cuidado com a higiene, muitas meninas morrem por infecção ou complicações. O único motivo para esse ritual é o de que a mulher seja fiel ao seu marido e fique longe dos prazeres sexuais.

Esse mesmo ritual também é realizado em tribos da Somália, Egito, Paquistão e Índia. Em tese o ritual busca retirar todo o prazer sexual que a mulher poderia sentir para torná-la apenas um objeto de prazer para seu marido.

Leia também:

Seios queimados

Seios queimados

Em regiões da Nigéria, Camarões e África do Sul, mulheres têm seus seios queimados em ritual. O procedimento é realizado quando as mulheres ainda são jovens, e seus seios são queimados com pedras, espátulas ou martelos aquecidos em brasa.

O objetivo desse ritual é impedir que suas mamas continuem crescendo e deformar o corpo das mulheres para que elas não chamem a atenção de homens, evitando assim possíveis estupros.

Mulheres obrigadas a ingerir 16.000 calorias por dia

Mulheres obrigadas a ingerir 16.000 calorias por dia

Mauritiana é um local supersticioso, e lá há uma crença de que uma casa que possui esposa obesa é sinônimo de boa sorte e prosperidade. Por essa razão, muitas mulheres que estão prestes a se casar, se submetem a uma dieta de 16.000 calorias por dia, para que cheguem ao dia do casamento com o “peso ideal”, culturalmente falando.

Sequestrada e obrigada a se casar

Sequestrada e obrigada a se casar

De acordo com os costumes ciganos da Romani, qualquer homem possui o direito de sequestrar uma mulher de quem ele goste. Se esse homem conseguir manter a mulher sequestrada por três a cinco dias, ele passa a ter o direito de se casar com a mesma, independente do que ela pense ou queira.

Alongamento do pescoço

usar-aneis-pescoco

A tribo Karen, na Tailândia, considera como padrão de beleza as mulheres com pescoços alongados, quanto mais longo o pescoço for, mais bonita será a mulher. Por essa razão, desde muito novinhas, as meninas são obrigadas a usar anéis no pescoço. A cada ano, novos anéis são adicionados.

Com isso, a partir dos cinco anos de idade as meninas costumam ter seus movimentos limitados e sentir muitas dores, tudo para se tornarem mais atraentes para seus futuros maridos.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: