Topo

Conheça uma raça bizarra de cabra que parece um ser de outro mundo

Comente

As cabras são animais realmente muito importantes para os humanos. Existem todas as questões relacionada a utilidade que elas acabam tendo em nosso dia a dia, proporcionando carne, tecidos para roupas, etc. Mas elas também, na grande maioria dos casos, são animais que apresentam um aspecto simpático.

Conheça uma raça bizarra de cabra que parece um ser de outro mundo

Mas algumas pessoas podem acabar se deparando com um tipo de cabra que pode ser bem diferente daquelas que as pessoas estão acostumadas a encontrar. Vendo fotos é possível até mesmo achar que se trata de alguma figura que saiu diretamente de uma obra de ficção. Mas não se trata nem de um monstro alienígena e nem do resultado do cruzamento milagroso entre dois animais estranhos.

Este animal realmente existe e não se trata de apenas um individuo que nasceu com problemas na sua genética. Esse animal bizarro é chamado de diversos nomes diferentes: cabra-de-damasco, cabra-de-aleppo, halep, baladi e shami. De acordo com pesquisadores, ele pode ser encontrado com mais facilidade em algumas regiões do mundo, como a Síria, o Chipre e também o Líbano.

Veja também:

Algo que acaba chamando a atenção de cara ao colocar o olho neste animal pela primeira vez é o formato da cabeça, que parece ser algo realmente vindo de outro planeta. A parte da frente parece que foi amassada depois de um acidente ou qualquer outro impacto. Mas a raça acaba sendo dessa forma mesma, apresentando focinhos e mandíbulas inferiores mais curtos do que se esperaria normalmente de um animal como esse.

Uma outra curiosidade sobre essa raça particular de cabra é que ela não chega ao mundo com essa cabeça com formato bizarro. Quando elas são filhotes se parecem muito com uma cabra normal, apenas apresentando olhos com um formato diferenciado e também com as orelhas muito maiores do que poderia ser esperado para uma cabra.

Além de ter essa beleza exótica, essas raças de cabras costumam ser bem cuidadas, uma vez que podem ser classificadas como animais raros e alguns dos seus exemplares podem acabar se tornando bem valiosos, mesmo que não seja tão belo assim. Um indivíduo dessa espécie chegou a ser vendido por mais de US$ 65 mil, o que seria equivalente a um valor aproximado da bagatela de R$ 250 mil.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: