Topo

Audiência 2016 - veja como anda o desempenho de sua série favorita no ano

Comente

A maioria dos fãs de séries de TV sabe perfeitamente o que significa fall season na linguagem de “seriador”, certo? Trata-se do período em que começam a ser exibidas as temporadas de algumas das principais séries da TV americana, o que ocorre a partir do mês de setembro de cada ano.

É também nesse período que o público começa ter uma noção sobre o que esperar do futuro de cada obra no que diz respeito à renovação ou cancelamento.

Isso acontece porque, mesmo não sendo o único fator levado em conta pelas emissoras na hora de avaliar o desempenho de uma produção, os números de audiência dos episódios funcionam como um bom indício de sucesso ou fracasso no curto/médio prazo.

É exatamente por considerar a importância desse aspecto, que apresentamos semanalmente aqui em nosso blog de séries as principais informações relacionadas às preliminares de audiência de cada seriado na semana.

E agora, como já completamos praticamente dois meses de fall season 2016, portanto, chegou a hora de avaliar como tem sido o desempenho de cada programa nesse período.

Com base nas informações a seguir você poderá tanto se animar com o desempenho de sua série favorita, quanto ligar o sinal de alerta, começando preparar o coração para o pior, que seria um eventual cancelamento. Está preparado? Então confira!

Avaliação do desempenho de audiência das séries nessa fall season

The Big Bang Theory

Séries de sucesso

Confirmando as expectativas, as séries veteranas respondem por uma grande parcela do sucesso dos canais da TV norte-americana. A lista inclui, por exemplo, obras como Grey’s Anatomy, The Big Bang Theory, NCIS e Supernatural, que mesmo estando no ar há mais de uma década, ainda registram números altos e consistentes.

Além destas, existem também muitas outras veteranas que, apesar de já não serem as mesmas de alguns anos atrás, seguem firme mantendo uma audiência regular. São os casos como as comédias Modern Family, The Goldbergs, The Middle, Black-ish e Fresh Off the Boat, da ABC, e a franquia Chicago da NBC, com Chicago Fire, Chicago PD e Chicago Med.

Na contramão desse cenário, estão algumas séries novatas que vêm enfrentando dificuldade junto ao público. O cenário é tão adverso, que pode-se dizer que o único grande sucesso – de crítica e público – entre as séries estreantes é This Is US.

Séries que estão indo bem

Fora os sucessos absolutos da TV norte-americana, existem também as séries que tiveram queda em relação às temporadas anteriores, mas ainda assim conseguem manter boa audiência, ficando, portanto em situação confortável por hora. São os casos, por exemplo, das séries de super-heróis da CW, ou seja, The Flash, Arrow, Supergirl e DC’s Legends of Tomorrow.

Outra que apesar de sofrer uma queda de audiência ainda tem mantido boa estabilidade é Gotham, do canal Fox, a série deve conseguir se manter no ar por mais algumas temporadas.

Quem também entra nesse mesmo grupo na emissora é Lucifer, exibida nas segundas-feiras. E vale lembrar que, no que diz respeito às animações, o canal também já garantiu a sequência de Os Simpsons por mais dois anos, sem contar que Family Guy é uma que deve seguir o mesmo caminho.

Agora, falando da CBS, entre as séries que continuam atraindo audiência razoável pode-se destacar nomes como 2 Broke Girls, Blue Boods, Hawaii Five-0 e as derivadas de NCIS.

Além dessas, há ainda aquelas séries cujas renovações são quase certas devido à proximidade da quantidade de episódios necessários para obter acordos de syndication (venda de direitos de retransmissão para outras emissoras).

Fazem parte desse grupo, produções como: Scorpion, Madam Secretary, NCIS: New Orleans e Jane the Virgin, todas na terceira temporada. Há de se destacar ainda, séries como Empire e How to Get Away with Murder, que também estão no terceiro ano e parecem bem cotadas para uma renovação.

Já na ala das novatas, podemos considerar como séries promissoras, obras como Lethal Weapon, Kevin Can Wait, Man with a Plan, American Housewife, The Great Indoors, Speechless, Designated Survivor, Bull e até mesmo MacGyver, que mesmo tendo oscilado bastante, permanece com resultados interessantes.

Leia também:

Séries que precisam melhorar o desempenho

Agora, aqui temos as séries que até tiveram um bom início há alguns anos, mas atualmente não enfrentam um bom momento em relação à audiência. São obras que ainda têm o futuro em aberto, no entanto, já deixam o sinal de alerta ligado.

Essa lista inclui produções como Criminal Minds, Law & Order: SVU, Once Upon a Time e Marvel Agents of S.H.I.E.L.D. Além disso, há também algumas séries como The Blacklist e Blindspot, da NBC, que experimentaram uma grande queda na audiência e dependem de uma melhora urgente se quiserem ter vida longa na emissora.

Ainda falando da NBC, a novata Timeless, que estreou no horário após o The Voice – uma das faixas de horário nobre da emissora – também não estreou tão bem como se esperava, vindo ainda a perder público semana a semana, o que torna o seu futuro incerto.

Pelos lados da Fox e CBS, algumas comédias veteranas não demonstraram a mesma força de outrora, o que também deixa o futuro em aberto. São os casos de New Girl, Brooklyn Nine-Nine, The Last Man on Earth, Mom, Life in Pieces e The Odd Couple, que apesar de tudo, ainda estão com médias razoáveis.

Séries que estão em risco

Por aqui temos agora a lista de séries que, considerando apenas a audiência, podem estar com os dias contados. No caso da CW, apesar de o canal não ter o hábito de cancelar séries estreantes, a verdade é que No Tomorrow e Frequency, duas novatas que estrearam nessa temporada, obtiveram resultados muito abaixo do esperado.

Isso deixa as coisas incertas para o futuro dessas produções. E como se não bastasse, há ainda a Crazy Ex-Girlfriend, que mesmo tendo um bom apoio da crítica, continua com números baixíssimos.

Pelo lado da ABC, as coisas não vão muito bem nas noites de domingo, já que séries como Quantico e Secrets and Lies, estão com média muito aquém da ideal. Isso sem contar que a segunda temporada de The Real O’Neals, às terças, também é um motivo de preocupação para o canal.

Agora, na CBS, quem está em apuros mesmo é Code Black, que está em sua segunda temporada e vem atingindo números baixos na audiência.

Apesar de tudo, quem vem enfrentando sérios problemas na sua grade de programação é a Fox, que além de manter diversos programas com números apenas razoáveis, ainda possui muitas séries com números de audiência abaixo do ideal. A lista vai desde as novatas Pitch e The Exorcist, até obras como Rosewood e Scream Queens, ambas na segunda temporada.

Séries que podem ser canceladas

Por fim, chegamos na ala das séries que não demonstram força suficiente para uma renovação e, portanto, devem ter como destino o cancelamento. São séries como Elementary, Notorious e Conviction – a primeira da CBS e as demais da ABC.

Além dessas há também a novata Pure Genius, que surpreendeu negativamente ao não confirmar as expectativas de sucesso. A série começou ocupando horário na quinta-feira, que é o melhor dia da TV norte-americana, contando ainda com a presença do ator Dermot Mulroney, mas mesmo assim não emplacou.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: