Topo

Destaques da TV - Veja quais foram as séries de destaque em 2014

Comente

Já estamos na segunda metade de dezembro e a maioria das grandes séries já entraram em hiato de fim de ano, encerrando assim, portanto, a primeira parte de suas respectivas temporadas.

Leia também:

Diante disso, consideramos este momento o ideal para determinar quais foram as melhores séries de 2014, pelo que, depois de uma apurada avaliação no panorama geral, temos enfim a nossa lista de obras preferidas.

Destaques da TV: Veja quais foram as séries de destaque em 2014

True Detective

series-true-detective

Antes mesmo de ter seu time de protagonistas e produção confirmados, “True Detective” já vinha fazendo sucesso com o público. Mesmo assim a série ainda conseguiu superar todas as expectativas criadas, incluindo as dos mais exigentes espectadores.

A obra se foca na investigação de crimes supostamente cometidos por serial killer em 1995, e feita pelos pelos detetives Rust Cohle e Martin Hart. O caso, reaberto no tempo presente, mostra uma nova investida dos detetives e da polícia como um todo na tentativa de capturar o assassino, intercalando flashbacks das investigações feitas na década de 90.

The Strain

series-the-strain

Essa foi outra grata surpresa do ano no que diz respeito a séries de TV. Estreante do ano com 13 episódios, a obra é uma daptação dos livros de Guillermo del Toro e Chuck Hogan (batizados no Brasil de “Trilogia da Escuridão).

A série retrata a coordenação de ataque de um clã de vampiros sanguinários para conseguir através de uma ação viral, extinguir a raça humana. Trata-se de uma obra onde vampiros são realmente vampiros, e não uma espécie que fica de paixõezinhas com humanos, se é que você me entende!

Marvel Agents Of Shields

series-marvels-agents-of-shield

Talvez você até ‘torça o nariz’ ao ver uma série que teve uma fraquíssima primeira temporada (em 2013) fechando o pódio das melhores de 2014. O fato, porém, é que não há exagero algum nisso.

Quem teve paciência suficiente pra vencer os 12 episódios iniciais da primeira temporada da série, pôde notar um acentuado avanço na obra ainda na segunda metade da primeira temporada. Mas foi depois dos eventos vistos em “Capitão América 2: O Soldado Invernal” que a série de fato encontrou seu caminho.

E por ‘encontrar seu caminho’, entenda-se mudar por completo a abordagem e dar ao espectador a nítida sensação de que praticamente uma nova série foi desenvolvida.

[Alerta de Spoiler] A série passou a mostrar de forma brilhante as consequências das ações vistas no segundo filme do “Capitão América”, com a queda da SHIELD e ataque coordenado da HIDRA.

Não obstante, a segunda temporada se prestou em elucidar alguns mistérios lançados anteriormente e introduzir os inumanos no universo Marvel, abrindo uma série de possibilidades para o vindouro filme dos referidos inumanos, que por sua vez, terão importante papel no fechamento do universo cinematográfico da Marvel em sua fase três.

Sherlock

series-Sherlock

A série centrada no mais famoso detetive da história, traz o brilhante ator Benedict Cumberbatch no papel de protagonista. O mais cruel pra quem acompanha a série, no entanto, é esperar quase dois anos pela chegada de novos episódios. Uma espera que no fim das contas acaba sendo extremamente compensadora, diga-se de passagem.

Além de Cumberbatch, a série traz o competente Martin Freeman no papel do ‘caro’ Watson, companheiro de Holmes em suas clássicas histórias.

The Blacklist

series-the-blacklist

O drama é centrado na vida do maior criminoso de todos os tempos que de repente decide se entregar ao FBI, oferecendo-se para delatar outros grandes criminosos com os quais já fez ‘negócios’.

Em troca, no entanto, ele faz uma série de exigências, incluindo a de só falar com uma nova agente do FBI, com a qual aparentemente ele não tem nenhuma ligação. Aos poucos ele vai ganhando imunidade e uma espécie de parceria com o FBI.

Nessa segunda temporada a série que já havia sido muito bem recebida pelo público e pela crítica em sua primeira temporada, elevou ainda mais o seu nível, tornando-se obra obrigatória na vida de todo seriador que se preza.

The Big Bang Theory

series-the-big-bang-theory

A série de comédia mais popular da atualidade não faz o sucesso que faz por acaso. Nos episódios exibidos nesse ano a obra continuou a explorar o desenvolvimento e amadurecimento dos personagens sem perder o bom humor que lhe é peculiar, merecendo, portanto, posição de destaque nessa lista.

House Of Cards

series-house-of-cards

Originalmente desenvolvida para o Netflix, “House Of Cards” não só manteve o nível que lhe rendeu a premiação do Emmy em 2013 (e indicações em 2014), como também evoluiu no que diz respeito a enredo e desenvolvimento de personagens, sendo uma das grandes candidatas a premiações no emmy 2015. Fique de olho!

The Flash

series-the-flash

Você pode até não gostar de séries de ficção ou adaptadas das histórias em quadrinhos, no entanto, é inegável a qualidade dessa última ‘safra’ de obras do gênero. Prova disso é que “The Flash”, surgida como uma espécie de spin-off de “Arrow” (que tem derrapado nesse ano em sua terceira temporada), surpreendeu até os mais céticos espectadores em sua temporada de estreia.

Apresentando uma nova versão do super-herói mais rápido do mundo, a obra conseguiu envolver os fãs na mesma proporção em que aguçou a curiosidade, levantando inúmeros mistérios que têm ‘fritado’ o cérebro de quem acompanha a acompanha.

Isso somado a uma boa fotografia e efeitos especiais surpreendentes para a realidade da TV, faz da série um dos grandes destaques da temporada quando o assunto é adaptação de HQ.

Gotham

series-gotham

Assim como “The Flash”, “Gotham” estreou nessa temporada trazendo uma nova faceta de um conhecido super-herói, concentrando-se, sobretudo, na cidade onde ele nasceu e em sua adolescência antes de se tornar o herói propriamente dito.

O personagem em questão é naturalmente o Bruce Wayne, que mais tarde viria a ser o “Batman”. A série explora a corrupção e criminalidade da cidade, apresentando ao público o surgimento dos mais icônicos vilões do ‘morcego’.

O bom roteiro, a excelente fotografia, e as atuações um tanto quanto espetaculares, colocam a série como outro grande destaque da temporada.

Game Of Thrones

series-game-of-thrones

Tão superestimada quanto os livros nos quais é inspirada (ok. Estamos ‘remando contra a maré’ aqui – mas, lembre-se que esta é apenas uma opinião), a série que até é bastante movimentada e extremamente bem-intencionada, não chegou a ter uma quarta temporada superior à sua terceira.

Apesar disso, no entanto, seria também injustiça deixá-la fora dos destaques, considerando as reviravoltas apresentadas, os personagens que se foram e deixarão saudades, as transformações (especialmente a de Arya), e é claro, o emblemático combate.

Para resumir, no conjunto da obra a série teve seus grandes momentos, que apesar de alguns deslizes ainda lhe colocam como um dos fenômenos do ano.

Outras excelentes séries que não entraram nos destaques:

Se olharmos para o filme (o histórico) das séries, a lista poderia facilmente incluir nomes como “The Walking Dead”, “Arrow”, “Orphan Black”, “Homeland”, “Brooklin Nine-Nine”e “The Good Wife”, no entanto, olhando a fotografia (o momento), essas obras acabaram não tendo força suficiente pra sobressair às listadas.

Embora todas elas possuam premissa e atributos capazes de as colocar como destaque em qualquer lista de grandes obras, ambas acabaram deixando a desejar (na maioria dos casos no roteiro) em respectivas novas temporadas até aqui.

Ficamos aqui na expectativa de que elas possam recuperar o prestígio e brilhantismo de temporadas passadas para que possamos em breve listá-las novamente com o destaque que certamente já fizeram por merecer.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: