Topo

Consórcio vale a pena quando se tem tempo e falta de crédito no mercado

Comente

No mundo moderno, possuir um veículo deixou de ser um luxo e passou e ser uma necessidade. A mobilidade se tornou um dos maiores desafios da nova geração e isso, somado à precariedade do sistema de transporte coletivo no País, tem estimulado cada vez mais a aquisição de veículos por parte da população.

Para tornar a aquisição de carros e motos algo ainda mais comum, inúmeras possibilidades de compras passaram a ser oferecidas ao consumidor, sendo uma delas a do consórcio, que costuma valer muito a pena especialmente para aqueles que possuem tempo para esperar e não possuem crédito para um financiamento.

Na sequência você confere um pouco mais sobre os benefícios de se optar pelo consórcio em detrimento das demais opções de compra existentes no mercado nos dias atuais.

Consórcio vale a pena quando se tem tempo e falta de crédito no mercado

consorcio-vale-a-pena

Diante da ausência de crédito para financiar, ou mesmo da ausência de dinheiro para comprar à vista uma moto ou um carro, a melhor opção que se desenha para aqueles que possuem a necessidade de um veículo é, de fato, recorrer ao formato do consórcio, entretanto, ao optar por essa modalidade de compra é importante ter em mente que a pressa de ter acesso ao veículo deve ficar em segundo plano.

As compras de veículos através de consórcio foram assunto recorrente nos últimos anos, especialmente em 2013, quando a falta de crédito esteve em alta, a tendência é que os altos índices de financiamentos se mantenham também em alta nesse ano de 2014.

Como funciona um consórcio?

O consórcio é uma modalidade de compra na qual o consumidor adquire uma cota em meio a um grupo de outros consumidores. Uma vez adquirida tal cota, cada membro do grupo está sujeito à chamada “Contemplação”, que ocorre geralmente uma vez a cada mês. A pessoa “contemplada” passa então a ter o direito de receber nesse mesmo mês, o bem pelo qual está pagando, ao passo que as demais terão que aguardar sorteios seguintes na esperança de serem contemplados.

Para aqueles que possuem algum dinheiro e um pouco mais de pressa para ter acesso ao bem pago durante o período do consórcio, existe também a opção de dar um lance, que é uma outra forma de “contemplação”, na qual o bem é cedido para aquele que ofertar o maior adiantamento em número de parcelas para a administradora do consórcio.

As contemplações tanto por lance, quanto por consórcio, costumam ocorrer em um evento chamado de assembléia do grupo.

Leia também:

Qual o melhor momento para começar um consórcio?

O melhor momento para comprar uma cota de consórcio é quando se tem tempo disponível, pois, tanto no caso da contemplação por sorteio, quanto na contemplação por lance, não existem garantias de que será contemplado em um curto período de tempo.

Quanto ao período correto para começar um consórcio não há uma resposta exata em relação a uma data específica, uma vez que em muitos casos não é exigida sequer o pagamento imediato da primeira parcela.

Como ter segurança na hora de fazer um consórcio?

Nos dias atuais, todo cuidado é pouco para não cair em fraudes impostas por pessoas mal intencionadas, a dica em se tratando de consórcio, é que sempre se opte por adquiri-los junto a administradoras que sejam autorizadas pelo Banco Central.

Os prazos de pagamento pelos bens no formato consórcio, costumam variar bastante, podendo ir de 12 até 72 meses.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: