Cifra da música: Há Tempos - Legião Urbana

Esse cifra de Legião Urbana já foi acessado por 3031 pessoas.

Comente

A música Há Tempos fez muito sucesso quando foi gravada por Legião Urbana. Quer conhecer a letra dela? Veja a letra de Há Tempos e cante.

Veja também o vídeo da música tocada.


Versão 1:
---------

Intro.: D Am D G
Riff 1   
     D               Am             D               G
E|---5-3-2-2-2-3-2-0-0-0-0-0-0-0-0----5-3-2-2-2-3-2-3-3-3-3-3-3-3-3-|
B|---3-3-3-3-3-3-3-1-1-1-1-1-1-1-1----3-3-3-3-3-3-3-3-3-3-3-3-3-3-3-|
G|---2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2----2-2-2-2-2-2-2-0-0-0-0-0-0-0-0-|
D|-0---------------2-2-2-2-2-2-2-2--0---------------0-0-0-0-0-0-0-0-|
A|-----------------0-0-0-0-0-0-0-0------------------2-2-2-2-2-2-2-2-|
E|--------------------------------------------------3-3-3-3-3-3-3-3-|

Riff 2 do D e do Am
E|---5-5-3-2-2-2-3-3-0-0-0-0-0-0-0-0-|
B|---3-3-3-3-3-3-3-3-1-1-1-1-1-1-1-1-|
G|---2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-2-|
D|-0-----------------2-2-2-2-2-2-2-2-|
A|-------------------0-0-0-0-0-0-0-0-|
E|-----------------------------------|

D             Am                 D             Am          Riff 2
 Parece cocaína, mas é só tristeza, talvez tua cidade
            D                    Am                        Riff 2
 Muitos temores nascem do cansaço e da solidão
 D                 Am                                      Riff 2
 E o descompasso e o desperdício
      G                    Em
 Herdeiros são agora da virtude que perdemos
 D                  Am              D            Am        Riff 2
 Há tempos tive um sonho, não me lembro, não me lembro
 F                   C    F                   C
 Tua tristeza é tão exata e hoje o dia é tão bonito
 D                   Am  D                     G           Riff 1
 Já estamos acostumados a nem termos mais nem isso
     D              Am              D           Am         Riff 2
 Os sonhos vêm, os sonhos vão, o resto é imperfeito
      D               Am                                   Riff 2     
 Disseste que se tua voz 
                      D                Am                  Riff 2
 Tivesse força igual à imensa dor que sentes
       G                 Em                   
 Teu grito acordaria não só a tua casa
    D                Am                                    Riff 2
 Mas a vizinhança inteira 
 D             Am                                          Riff 2
 E há tempos nem os santos 
 F                  C
 Têm ao certo a medida da maldade
      F                            C
 E há tempos são os jovens que adoecem
       F                       C
 E há tempos o encanto está ausente
                        F
 E há ferrugem nos sorrisos
                           C
 E só o acaso estende os braços 
                         A4 A A7
 A quem procura abrigo e proteção
         D              G
 Meu amor, disciplina é liberdade
 D             G        D              G    
 Compaixão é fortaleza, ter bondade é ter coragem
        D                         G              D
 Lá em casa tem um poço, mas a água é muito limpa

Transcrita por Gabriel Ysllu Chagas





Versão 2:
---------

(Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá)

Intr.: D  Am7  D  G4  G
Solo:
(Guitarra)
    D                  Am7
e---5------------------3-3-----3---3-----|
B-------8---7---8-7----1---1-----1---1---|
G-------------------7--0-----0---------0-|
D-0---0---0---0--------2-----------------|
A----------------------------------------|
E----------------------------------------|

    D                  G4                G
e---5--------------------3-3-3----3-3-3--3-------|
B-------8---7---8-7------3-3-3----3-3-3--3-------|
G-------------------7----5-5-5----5-5-5--4-5-4---|
D-0---0---0---0--------------------------5-----4-|
A----------------------------------------5-------|
E----------------------3--------3--------3-------|

(Teclado) - Arranjo p/Guitarra
E-5-3-2-3-2-0-3-0-0-3-0-5-3-2-3-2-3-2-| 
B-------------------------------------|
G-------------------------------------|
D-------------------------------------|
A-------------------------------------|
E-------------------------------------|

Obs.: Tocam-se juntos os dois solos. O Teclado fazendo a base
e a Guitarra o solo.

D             Am7                D             Am7
Parece cocaína, mas é só tristeza, talvez tua cidade
           D                    Am7
Muitos temores nascem do cansaço e da solidão
D                 Am7
E o descompasso e o desperdício
     G                    Em
Herdeiros são agora da virtude que perdemos
D                  Am7             D              Am7
Há tempos tive um sonho, não me lembro, não me lembro
F                   C    F                   C
Tua tristeza é tão exata e hoje o dia é tão bonito
D                   Am7    D                       G4    G
Já estamos acostumados a nem termos mais nem isso
    D              Am7             D           Am7
Os sonhos vêm, os sonhos vão, o resto é imperfeito
     D               Am7                   D                Am7
Disseste que se tua voz tivesse força igual à imensa dor que sentes
      G                 Em                    D           Am7
Teu grito acordaria não só a tua casa, mas a vizinhança inteira
D             Am7            F                  C
E há tempos nem os santos têm ao certo a medida da maldade
      F                            C
E há tempos são os jovens que adoecem
      F                          C                           F
E há tempos o encanto está ausente, e há ferrugem nos sorrisos
                          C                               A
E só o acaso estende os braços a quem procura abrigo e proteção

        D              G
Meu amor, disciplina é liberdade
D             G        D              G4    G
Compaixão é fortaleza, ter bondade é ter coragem
       D                         G                  D
Lá em casa tem um poço, mas a água é muito limpa


Quer fazer uma correção nesta cifra?







    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!