Topo

Livros recomendados na novela 'Amor à Vida' é um incentivo à leitura de Walcyr Carrasco

Comente

Os telespectadores que acompanham a novela das 21 horas da Rede Globo, Amor à Vida, já devem ter reparado que nos últimos meses uma série de livros passaram a ser mencionados das mais diversas formas na novela. Geralmente acontece quando um personagem chega e encontra outro lendo uma determinada publicação. Acaba acontecendo um breve texto falando o nome do livro, o nome do escritor e um breve comentário, quase sempre positivo.

incentivo-a-leitura-com-livros-recomendados-em-amor-a-vida

Esta foi uma forma de criar uma espécie de campanha publicitária “do bem” dentro da trama. Afinal de contas, se os telespectadores querem sempre saber o que as personagens estão vestindo para comprar uma roupa parecida ou então descobrir o que eles estão comendo para também ter na sua geladeira, pode ser que os brasileiros também tenham vontade de ler mais ao saber que seus personagens prediletos também alimentam o hábito da leitura.

Um exemplo de situação onde o livro é mencionado na trama:

Bruno (Malvino Salvador) acaba de descobrir que sua mãe, Ordália (Eliane Giardini), está namorando Herbert (José Wilker), ex-noivo de sua irmã Gina (Carolina Kasting). Triste, abatido, cabisbaixo, ele entra em casa e encontra Paloma (Paolla Oliveira) lendo na cama.

“Oi, meu amor”, ela diz. “O que foi?”, pergunta, assustada com a cara do amado. “Aconteceu alguma coisa? Você parece abatido?” Bruno se senta, suspira e diz: “É a vida, meu amor. A vida, às vezes, dá uma rasteira na gente”. Levanta a cabeça, sorri e pergunta: “O que você está lendo?”

“Tô lendo ‘Antes do Baile Verde’, da Lygia Fagundes Telles. Você sabe que eu adoro. Esse é um dos meus favoritos. Já li várias vezes. Ela costuma escrever sobre sentimentos profundos e misteriosos”, diz, antes de emendar: “Falando sobre mistério, eu posso saber o que aconteceu?

O Brasil, como muito se fala, é um dos países com índice de leitura mais baixos.

Situações forçadas

Apesar da campanha ser vista com bons olhos na maior parte do tempo pelos telespectadores e também nos bastidores do Projac, muitas vezes a forma como estes livros estão sendo inseridos dentro do contexto acaba parecendo um tanto quanto forçado.

Vale lembrar que a novela não é o primeiro produto da Rede Globo que aposta neste tipo de campanha para incentivar a leitura entre o público. Um dos programas mais populares da grade da emissora, o Domingão do Faustão, já aposta nesta fórmula há algum tempo, onde apresenta livros como recomendações. Apesar da produção jurar de pé juntos que esta inserção não é cobrada, existem acusações de que a produção do programa cobraria uma verdadeira fortuna dos autores para expor o livro na estante do Domingão.

Já na novela, não se sabe se a inserção de determinados livros faz parte de uma escolha pessoal do autor da novela ou se existem acordos comerciais envolvidos. O fato é que a novela está inserindo muitas citações de livros, talvez em uma tentativa de não fazer propaganda apenas para um tipo de livro ou de autor.

O que os telespectadores comentam muito nas redes sociais é que muitas vezes os textos para inserirem o livro na trama são muito ruins, o que realmente fica parecendo ser uma barra forçada demais. Até mesmo no meio de discussões sérias entre personagens apareceram citações de livros.

Apesar das críticas, Carrasco, o autor da trama, defende a campanha. Em uma entrevista concedida recentemente a um jornal carioca, o escritor deu a seguinte declaração: “Quero mostrar que o livro é algo que todo mundo usa normalmente, que faz parte do cotidiano das pessoas, não só na vida escolar. São autores em quem eu boto fé… Estabeleço na minha cabeça que tipo de livro aquele personagem leria, qual gênero estaria mais de acordo e, assim, vou da alta literatura à autoajuda”.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: