Desesperada sob a chuva de granizo, Yunet grita por socorro, mas não é amparada por ninguém. - Resumo Os Dez Mandamentos

Capítulo de 14/03/2018

Comente

Sem saber o que fazer, Ramsés fica transtornado com a destruição da cidade. Nefertari tenta acalmar o filho Amenhotep.

Pedras em chamas caem do céu e camponeses egípcios são atingidos. Em meio à chuva de fogo, Apuki e Jairo correm tentando salvar suas vidas.

Ramsés ordena que tragam Moisés e Arão ao palácio. Corá conta para Bina que viu Yunet andando maltrapilha pela cidade.

O general Bakenmut ordena que Asheru acompanhe Ikeni na busca por Moisés e Arão. Uri se mostra descrente em Deus.

Antes de deixar o palácio, Ikeni se despede de Karoma e Peppy. Aoliabe proíbe Bak de sair de casa para visitar os irmãos durante a tempestade.

Ikeni e Asheru deixam o palácio em busca do libertador e seu irmão. Apuki e Judite se preocupam ao notarem que Ana não está em casa.

Oseias, Zelofeade, Leila e outros escravos percebem que o mau tempo não atingiu o céu sobre a Vila dos hebreus. Ikeni, Asheru e outro oficial correm para não serem atingidos.

Todos na casa de Arão ficam aliviados e emocionados por Joquebede e Eleazar não terem sido executados. Ikeni lidera os oficias e eles seguem na missão.

Miriã agradece a Deus e pede proteção para os irmãos. Os oficiais egípcios finalmente avistam Moisés e Arão no alto do monte.

Ramsés encontra com a esposa e o filho e avisa que mandou chamar Moisés e Arão. Ikeni avisa a Moisés que Joquebede não foi executada.

Aliviado, o profeta aceita acompanhar os soldados até o palácio. Eldade se espanta com tanta destruição.

Casas são arruinadas enquanto egípcios correm para salvar suas vidas. O fogo atinge a fachada da Casa de Senet.

Moisés, Arão e os oficiais caminham de volta ao palácio. Ikeni fica surpreso ao notar que nada atinge os hebreus.






Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!