Topo

Mulheres apostam no brechó para montar estilos únicos

Comente

Muitas mulheres estão apostando na moda retrô para compor o seu visual. Afinal de contas, vivemos em uma época onde está se valorizando muito as coisas mais antigas, o chamado vintage, em conflito com a alta e grande quantidade de tecnologia que estamos expostos o dia inteiro.

comprar-em-brecho

Mas quando estamos falando de moda, um tipo de comércio que parece estar sendo redescoberto pelas brasileiras são os brechós, que antigamente eram restritas a pequenas e afastadas salas e agora estão tomando conta dos centros urbanos e também estão cada vez maiores e mais sofisticadas.

Esta tendência está sendo observada no Brasil há poucos anos, sendo que até o momento o brechó ainda era visto como um lugar que era visitado apenas por pessoas que eram consideradas pobres e que procuravam por peças de roupas mais baratas porque realmente não tinham condições de fazer uma compra nas lojas mais caras. Hoje são mulheres de diversas classes sociais diferentes que procuram os brechós justamente para conseguir montar um look diferenciado com peças mais antigas e modernas.

Geralmente as lojas de brechó começam suas atividades quando uma determinada representante da família decide colocar a venda as roupas de uma pessoa que já não esta mais entre em nós, como a filha que decide vender as roupas da mãe depois que ela falece. Mas o negócio também já movimenta uma grande quantidade de dinheiro. Muitas pessoas procuram estes locais para se desfazer de suas roupas antigas.

De acordo com a opinião de algumas donas de brechó, geralmente as mulheres já chegam até o local sabendo o que querem e precisam, o que torna mais fácil a busca e a venda. Além disso, muitos brechós já contam com alguns serviços exclusivos destinados a venda de roupas para estas pessoas, como consultoras de moda que ajudam na hora de montar um look contemporâneo com roupas antigas, mas que não fique careta demais.

A dica para quem entrar no negócio é começar com soluções mais pequenas, mas que, ao mesmo tempo, exigem menos investimento, como a organização de um bazar na garagem, por exemplo.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: