Memórias Apaixonadas

Essa mensagem já foi acessada por 883 pessoas.

Comente

De tudo ficou um pouco.
Do seu beijo. Minha boca vazia.
De tuas palavras a minha surdez.
De teu medo. Ficou minha coragem.
Do seu corpo, meus olhos cegaram.
Mas aquelas tuas palavras,
daqueles dias de sol raiando,
daquelas noites estreladas,
destas não ha como ocultar
de minha memória.
Aquelas lembranças, onde nos
nossos beijos, teus lábios
pareciam favos de mel, ,
onde seus olhos brilhavam mais
que Paris durante a guerra.
De tua pele ficou em mim
cada pedacinho de ti,
cada fio de cabelo,
cada grãozinho de areia de
teu corpo ficou no
meu.
De teus olhos azuis ficou,
, em mim tua memória,
que jamais ousarei em perder.
De seu carinho, ficaram
em mim os meus maiores
prazeres que um homem já
conseguiu em toda sua vida.
Mas de você fica sempre
um pouquinho de tudo, pois,
minha única razão de vida e
você minha tão doce e
delicada pequena.









Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!