Letra da Música: Maria (Tradução) - Rage Against The Machine

Esse letra de Rage Against The Machine já foi acessado por 300 pessoas.

Comente

A música Maria fez muito sucesso quando foi gravada por Rage Against The Machine. Que tal aprender a tocar outras músicas? Veja cifras de Rage Against The Machine e toque as músicas que mais gosta no violão ou guitarra.

Veja também o vídeo da música tocada.


Maria
O sol brilha como o pé de Maria
Toca a superfície de areia
Na terra do norte
Enquanto um contrabando de humanos
Algum rico de Jalisco
Passou o nome dela ao chefe
Ela empalhou dez para a caçamba de um caminhão
Ela segura com força sua cruz
Ai vem o enfraquecido
E isso rasga seus pulmões
Ela está fora veloz para o pasto
Como gado ela irá cruzar
106 graus
Suor e vomito são saem
E ela reza e se sufoca
Sobre as memórias de seu lar
De armas americanas por dívidas sangrentas por empréstimos
De campos ardentes roubando entulho e ossos
De covas escondidas como armadilhas em prever uma guerra
Do nada ninguém nunca mais
Essas são suas montanhas e céus e
Ela os radia
Através dos rios de sangue da história
Ela se regenera
E como o sol desaparece apenas para reaparecer
Ela estará eternamente aqui
O tempo dela está próximo
Nunca conquistada exceto aqui

Para se desligar da máscara

E agora ela tem uma cota
A agulha e o crucifixo
Vendido e enviado através da nova fronteira
De Mason Dixon
Rasgando um tecido grosso
O ponto à uma polegada da veia dela
O capataz se aproxima
Seus passos vem como uma libra no cérebro dela
Sua presença é terrível
E escurece os dias dela
Sem minutos para descansar
sem momentos para rezar
E com uma diflamação
Ele diflama ela
A alma dela está acorrentada na vontade dele
"Meu trabalho é te matar se vco6E esquecer de tomar sua pílula"
Seus braços sacodem
As irmãs se reúnem em volta dela e gritam
Como se fosse um sonho
De olho na correnteza vermelha
Adormecida enquanto seus punho jorram sangue no chão
Eu sou nada, nenhum, ninguém, nunca mais

Essas são suas montanhas e céus e
Ela os radia
Através dos rios de sangue da história
Ela se regenera
E como o sol desaparece apenas para reaparecer
Ela estará eternamente aqui
O tempo dela está próximo
Nunca conquistada exceto aqui

Para se desligar da máscara
Para se desligar da máscara
Para se desligar da máscara

Sem minutos para descansar
Sem momentos para rezar
Sem minutos para descansar
Sem momentos para rezar
Sem minutos para descansar
Sem momentos para rezar
Isso escurece o dia dela
Apenas um momento para rezar


Quer fazer uma correção nesta letra?







    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!