Letra da Música: Meu Velho Ipojuca - Rabo de Saia

Esse letra de Rabo de Saia já foi acessado por 461 pessoas.

Comente

A música Meu Velho Ipojuca fez muito sucesso quando foi gravada por Rabo de Saia. Que tal aprender a tocar? Veja a cifra de Meu Velho Ipojuca e toque as músicas que mais gosta no violão ou guitarra.


Quantas vezes deixei minha mãe maluca, o rio ipojuca galopando para o mar
O rio ta enchendo, ta chovendo que dá medo, água não é brinquedo, menino não vá pra lá
(o rio ta enchendo, ta chovendo mim dá medo, água não é brinquedo, menino não vá pra lá) (2x)
"mâinha" o tempo passa, lembro desse desafio e a natureza chega chora a perguntar
Se os peixinhos sentem saudades do rio, se a lavadeira tem motivos pra cantar
E o velho ipojuca teu espelho já não brilha e nessa trilha tu parece até comigo
Lençol de pedra e sonho de baronesa, nessa tristeza aceitando o teu castigo
O rio ta enchendo, ta chovendo que dá medo, água não é brinquedo, menino não vá pra lá
(o rio ta enchendo, ta chovendo mim dá medo, água não é brinquedo, menino não vá pra lá)

Quer fazer uma correção nesta letra?







    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!