Letra da Música: Periferia - Negra Li

Esse letra de Negra Li já foi acessado por 241 pessoas.

Comente

Veja também o vídeo da música tocada.


(mano brown)
Na periferia a alegria é igual
É lá que mora meus irmãos
Meu amigos.
Na periferia a alegria é igual
E a maioria por aqui se parece comigo....

(negra li)
A mili anos mesma coisa eu vi periferia bicho solto sem da sopa
Cade nossos manos da antiga? isso é armadilha veja bem
Confira!!!
O desemprego assola os manos, sem dinheiro pra sobreviver,
Ninguém quer perder os seu sonhos, morar na periferia sem ter
Dívidas, sustentar família.
Ainda pouco eu vim lá do parque, meu irmão falou que ta sujo
E os manos quem sabe, demorou os pm já passou, enquadrou,
Mas não achou, ninguém rodou, então já era....

(refrão)
Se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé (é lá que mora meus irmãos meu amigos)
Mas se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé (e a maioria por aqui se parece comigo)

Helião
Amar é correr pelos que é, assim que é, os que tem fé está pro
Que der e vier
O desejo dos guerreiros de pé, o rap é pique de fé no viatnã no
Imbé
Pro canão vou mandar um axé, ou tipo vou um pelé um sabotagem
Lembra o que é
O guerreiro correria de fé, em pirituba os irmão conheceu no
Parque num rolé
A saudade é responsa no rap, meu coração faz questão, o rap é
Compromisso ou não é
O que faz graça na praça da sé, repentista lá do nordeste só pra
Ganhar um qualquer
Vou na fé pois eu sei qual que é, noroeste humildade é nois,
Periferia vai da fé, tudo vai tudo vai vai da fé, nesse mundo
Corre que faz futuro sempre mostra quem é

(refrão)
Se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé (é lá que mora meus irmãos meu amigos)
Mas se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé (e a maioria por aqui se parece comigo)

(helião)
E eu vou num rolé, aonde vou sou o que não é, demorou então vou
Na fé
Eu não sou é não pude mané, por aqui quase tudo resiste insiste,
Sua roupa não é
Guerreiro sim dê no que der, um favelado sofre quem é, entende
Sim vê qual que é
Representei sim o mano de fé, eu sei eu rimo com é, assim que é,
Eu fiz com fé
Ouvi dizer que o rap é união, mano no mundão, canção já
Contaminou emoção
Mili ano que o sonho é glória, conquistou uma paz que não fica
No ar fica uma historia
Sangue bom sempre tenho, corre a mais pobre, que é capaz, corre
Atrás que satisfaz
Em pirituba nois precisa de paz, então que se fo... conversa
Demais, sei que quem fala não faz, então rapaz nois somos os tai
Da paz que corre atrás, maluco só sabe o que faz, pique em favela
Sempre foi nossa lei, não é caô sou o que falei, então firmô eu
Respeitei, considerei vários manos do trem, pandeiro, timba,
Cantei as vezes até um.. fumei, de lembrar eu me emocionei, do
Jaraguá a mulata eu sei, pois eu colei, respeitei

(refrão)
Se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé
Mas se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé

Se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé (é lá que mora meus irmãos meu amigos)
Mas se tem algum lugar periferia já está ganhando (já está
Ganhando)
Na fé só faltou axé (e a maioria por aqui se parece comigo)

(mano brown)
Nos braços da zró onde dorme o sol, incluso no rol na fé vou
Passando o cerol
Maluco só, helião, negra li é o plano as pistas amanhã eu pan
Coube mais um na van
Somos pretos, loucos, fi de baiano devotos do rap do alvenegro
Praiano
Helião cruz na caminhada, monstro na pegada, sorte vai na frente
Descola o malote,
Sem mais para o momento negão, demorô, vem comigo negô, vem
Comigo negô, vem comigo negô, vem comigo negô, vem comigo negô..


Quer fazer uma correção nesta letra?








    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!