Letra da Música: Bola de Meia, Bola de Gude - Milton Nascimento

Esse letra de Milton Nascimento já foi acessado por 877 pessoas.

Comente

A música Bola de Meia, Bola de Gude fez muito sucesso quando foi gravada por Milton Nascimento. Que tal aprender a tocar? Veja a cifra de Bola de Meia, Bola de Gude e toque as músicas que mais gosta no violão ou guitarra.

Veja também o vídeo da música tocada.


Há um menino
Há um moleque
Morando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto balança
Ele vem pra me dar a mão

Há um passado no meu presente
Um sol bem quente lá no meu quintal
Toda vez que a bruxa me assombra
O menino me dá a mão

E me fala de coisas bonitas
Que eu acredito
Que não deixarão de existir
Amizade, palavra, respeito
Caráter, bondade alegria e amor
Pois não posso
Não devo
Não quero
Viver como toda essa gente
Insiste em viver
E não posso aceitar sossegado
Qualquer sacanagem ser coisa normal

Bola de meia, bola de gude
O solidário não quer solidão
Toda vez que a tristeza me alcança
O menino me dá a mão
Há um menino
Há um moleque
Morando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto fraqueja
Ele vem pra me dar a mão


Quer fazer uma correção nesta letra?








    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!