Letra da Música: Sóbrio - Fá Sustenido

Esse letra de Fá Sustenido já foi acessado por 123 pessoas.

Comente

Banda Fá Sustenido
Álbum: Anarchist Love
Autor: Fagner Sustenido

Música: 'Sóbrio'



Lágrimas de fome despedaçam uma alma
um silêncio angustiado aguarda o estrépito passar
fardas e ilusões, jovens engatilham armas
não se cria uma bomba se você não quer matar
hinos e canções, tanques e aviões
invadem o espaço aéreo anunciando os seus fins
todas as nações querem todas as nações
sob um novo imperialismo, uma faca em seus rins


Exércitos do bem marcham sobre a terra
talvez seja um bom pretesto fazer guerra pra ter paz
crianças desnutridas aguardam a nova era
uma vida virou merda, isso eu não aguento mais
capital, religiões, território, opiniões,
até o odio é motivo pra uma guerra mundial
nunca existiu razões, apenas emoções
nada disso é relativo, matar gente é normal


Chefes de estado disfarçam e se diferem
como se ninguém soubesse que a paz é um ser simbólico
canibalismo é a solução pra quem prefere
o petróleo vale vidas, eu não estou louco, eu estou sóbrio
é a cruz vermelha, outra bandeira
um genicídio, é uma bomba nuclear
arte suástica de outra maneira
o pão é sangue e assassinos não querem mais matar... não matar... só mandar...
assassinos não querem mais matar... só rezar, sóbrio está...

Quer fazer uma correção nesta letra?







    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!