Letra da Música: Antonin Artaud (Tradução) - Bauhaus

Esse letra de Bauhaus já foi acessado por 443 pessoas.

Comente

Veja também o vídeo da música tocada.


O jovem leva uma arma para a cabeça de Deus
Grave-se nessa vaca sagrada
Ponha a audiência em ação
Deixe a matança ganhar reverência
As palavras do velho,brancas facas quentes
Cortando através da manteiga quente
A manteiga é o coração
A rançosa alma descascante

Figuras arranhadas em paredes de asilo
Unhas quebradas e fósforos
Ipodérmico, ipodérmico, ipodérmico
Desafio vermelho

O veneno de um homem a carne de outro homem
A agonia de um homem o deleito de outro homem
Artaud viveu com seu pescoço passado firmemente no nariz
Olhos pretos com dor
Membros com cãimbra se contorcendo
O teatro e isso em dobro
O vazio e o fracasso


Quer fazer uma correção nesta letra?








    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!