Topo

Quer fazer um bom currículo? Veja equívocos que você não deve cometer

Comente

Na hora de procurar um novo emprego, a maioria das pessoas costuma se deparar com uma série de dúvidas relacionadas à elaboração do currículo, e dentre elas, uma das mais comuns diz respeito aos equívocos que devem ser evitados na criação do documento.

Leia também:

Sabendo dessa dificuldade compartilhada pelos candidatos, apresentamos a seguir uma lista com os erros que, segundo especialistas, não podem ser cometidos no currículo.

Quer fazer um bom currículo? Veja equívocos que você não deve cometer

dicas-para-fazer-um-bom-curriculo

Currículo com erros linguísticos

Por mais incrível que possa parecer, é grande o número de currículos que pecam nesse aspecto, e isso geralmente trabalha a favor do candidato. Na opinião dos recrutadores, quem procura um emprego a sério não pode se dar ao luxo de cometer um equívoco dessa natureza.

Currículo padrão

Adotar o mesmo currículo para todas as oportunidades é um rro bastante comum de quem procura emprego. Especialistas consideram essa uma péssima opção pelo fato de cada empresa ter sua própria cultura, e além disso, cada cargo tende a exigir habilidades distintas.

A dica é pesquisar bastante sobre a empresa e sobre o cargo que ela oferece, para em seguida, de posse dessas informações, elaborar o currículo pontuando as características que possui e que melhor se encaixam naquilo que busca o empregador.

Currículo sem carta de apresentação específica

Aproveitando as informações coletadas sobre a empresa e sobre a oportunidade oferecida por ela (conforme recomendado no tópico anterior), por que não elaborar uma carta de apresentação específica para o cargo oferecido? Deixar de seguir esse caminho é um erro frequentemente cometido pelos candidatos.

Por outro lado, aqueles que conseguem fazer uma boa carta de apresentação direcionada especificamente à vaga, conseguem mostrar ao empregador um comprometimento real com os interesses da empresa, o que naturalmente é algo louvável.

Endereço de e-mail não profissional

Não há problema algum em possuir um apelido ou mesmo ter um e-mail pessoal com ele, no entanto, em se tratando de um currículo, é obrigação do candidato ter um endereço mais formal para contatos profissionais, preferencialmente com nome e sobrenome. Deixar de observar esse critério é outro erro gravíssimo cometido por muitos.

Responsabilidades ao invés de conquistas

Um empregador obviamente está interessado em contratar alguém com responsabilidades, no entanto, no fim das contas o que mais importa para qualquer organização é o resultado que os colabores podem proporcionar.

Diante disso, prefira apresentar uma lista de conquistas já obtidas e outras que ainda pretende alcançar, ao invés de gastar inúmeras linhas apresentando as responsabilidades e cargos já assumidos em trabalhos anteriores. Informar as responsabilidades é importante sim, mas, os destaques devem ser as conquistas.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: