Topo

Polêmica em torno do filme Ted

Comente

Quem vê o cartaz do filme Ted, jamais imagina que ele seja um filme adulto. Foi o que pensou o deputado Protógenes Queiroz, que levou seu filho de 11 anos para assistir o filme. Ignorando, inclusive, a classificação do filme, que é de 16 anos, o deputado ficou chocado ao ver o conteúdo de Ted.

Ao ver cenas onde o “ursinho” fala palavrões sem nenhuma censura, usa drogas e faz sexo, Protógenes ficou chocado e  solicitou que a classificação indicativa do filme fosse alterada para 18 anos. Em seu twitter, declarou sua revolta com a classificação atual do filme: “O filme ‘TED’ não está apropriado para nenhuma faixa etária. Incentivar o consumo de drogas é crime, usando ainda ícones infantis”.

Apesar da declaração do deputado, o Ministério da Justiça indeferiu o pedido do deputado.


Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: