Príncipe dos Mares

Essa mensagem já foi acessada por 626 pessoas.

Comente

Saio em cada entardecer
Na esperança de te ver
Correndo na areia dessa praia
Ouço a música no ar
Gaivotas par em par
Mas você nem olha você malha

E quanta, e quanta água

Imagino a gente de mãos dadas
E você sussurando em meu ouvido
Vem pra mim só pra mim

No horizonte os barcos vão
Vai também meu coração
Levando o segredo e o meu desejo
Eu procuro seu olhar
Eu queria te beijar
Mas a timidez guardou meu beijo

E quanta, e quanta água

Toda noite eu vejo do meu quarto você vir
Me chamando, docemente
Vem pra mim só pra mim

Ninguém sabe
Príncipe dos mares me levou
Nos seus sonhos de aquamores
E fugimos
Atlânticos amores de um verão

E nos cantam as sereias
Vem pra mim só pra mim









Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!