Letra da Música: Bicho do Mato (novela 1972) - Temas de TV

Esse letra de Temas de TV já foi acessado por 520 pessoas.

Comente

Não sou potro que se doma
Não sou vara que se vergue
Não sou fruta que se coma
Não sou flor bela que cheira
Não sou água que se beba
Não sou vento sem poeira
Não sou cobra sem peçonha
Não sou planta sem espinho
Eu sou muito sem-vergonha
Sem amor e sem carinho
Não sou milho de pamonha
Nem canto de passarinho
Ê, bicho do mato!
Nossa briga é desacato
Ehehe, bicho do mato!
Tu me bate, eu te rebato
Ê, bicho do mato!
Nossa briga é desacato
Ehehe, bicho do mato!
Tu me bate, eu te rebato

Quer fazer uma correção nesta letra?








    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!