Letra da Música: Areia da Ampulheta - Raul Seixas

Esse letra de Raul Seixas já foi acessado por 693 pessoas.

Comente

A música Areia da Ampulheta fez muito sucesso quando foi gravada por Raul Seixas. Que tal aprender a tocar? Veja a cifra de Areia da Ampulheta e toque as músicas que mais gosta no violão ou guitarra.

Veja também o vídeo da música tocada.


Eu sou a areia da ampulheta
O lado mais leve da balança
Balança que não me aguenta
O ignorante cultivado
O cão raivoso inconsciente
O boi diário servido em pratos
O pivete encurralado
Eu sou a areia da ampulheta
O vagabundo conformado
Sem nunca se ter reformado
O que não sabe qual o lado
Espreita o pesar das pirâmides
Cachaceiro mal amado
O triste-alegre adestrado
Eu sou a areia da ampulheta
O que ignora a existência
De que existem mais estados
Sem idéia que é redondo
O planeta onde vegeta
Eu sou a areia da ampulheta
Eu sou a areia
Eu sou a areia da ampulheta
Mas o que carrega a sua bandeira
De todo o lugar o mais desonrado
Nascido no lugar errado
Eu sou, eu sou você


Quer fazer uma correção nesta letra?








    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!