Letra da Música: Late Night, Maudlin Street (Tradução) - Morrissey

Esse letra de Morrissey já foi acessado por 315 pessoas.

Comente

A música Late Night, Maudlin Street fez muito sucesso quando foi gravada por Morrissey. Que tal aprender a tocar outras músicas? Veja cifras de Morrissey e toque as músicas que mais gosta no violão ou guitarra.


Tarde da Noite, Rua Maudlin (Sentimental)

(O inverno está chegando
O inverno apressa
Apressa
O inverno, é tão longo
O inverno se move)

A última noite na rua Maudlin
Adeus casa, adeus escadas
Eu nasci aqui fui criado aqui e
... fui um pouco criticado aqui

Amor à primeira vista
Pode soar banal
Mas é verdade, sabe
Eu poderia listar os detalhes de tudo o que você já vestiu
Ou disse, ou o jeito que estava naquele dia
E enquanto passamos a última noite na rua Maudlin, eu digo
"Adeus casa - para sempre!"
Eu nunca tive uma hora feliz por aqui

Onde o garoto mais feio do mundo
Se transformou no que você vê
Aqui estou eu – o homem mais feio

É a última noite na rua Maudlin
E de fato eu te amo de verdade
Ah, eu te amo de verdade

Quando eu durmo com aquela sua foto emoldurada ao lado da cama
Oh, isso é infantil e tolo
Mas eu imagino que é você no meu quarto
ao lado da cama (eu te disse que era tolo...)
E eu sei que tomei uns comprimidos estranhos
Mas eu nunca quis te magoar
Ah, eu te amo de verdade

Eu cheguei em casa tarde uma noite
Todos já estavam dormindo
Ninguém fica te esperando
Quando você leva dezesseis pontos envolta da cabeça

Eu perdi o último ônibus para a rua Maudlin
Então, ele me levou para casa no furgão
Queixando-se: "as mulheres só gostam de mim pela minha inteligência..."

Não deixe sua lanterna lá atrás
Há cortes de energia à frente
1972, você sabe
Enquanto nos esgueiramos pelo do parque
Não, eu não posso roubar um par de jeans de um varal para você
Mas você... sem roupas ah, eu não poderia fazer uma cara indiferente
Eu - sem roupas? bom, uma nação vira de costas e faz chacota
Estou com as malas prontas

Eu estou de mudança, metade de uma vida desaparece hoje
Toda a escória se despede de mim
(secretamente desejando me ver longe)
Bom, logo eu vou estar longe...

Houve tempos difíceis na rua Maudlin
Quando eles te levaram numa viatura polícial
Caro delegado - você não conhece?
Não se importa?
Não sabe - sobre Amor?

Sua avó morreu e sua mãe morreu na rua Maudlin
Sofrendo e envergonhadas, sem tempo para dizer
Aquelas coisas especiais
Eu levei as chaves da rua Maudlin
Bom, são apenas tijolos e argamassa
E... eu te amo de verdade mesmo
Onde quer que você esteja
Onde quer que você esteja

(Eu espero que você esteja cantando agora
Eu espero de verdade
Espero que você esteja cantando agora...)

Quer fazer uma correção nesta letra?







    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!