Letra da Música: Um Vício - Lulu Santos

Esse letra de Lulu Santos já foi acessado por 240 pessoas.

Comente

A música Um Vício fez muito sucesso quando foi gravada por Lulu Santos. Que tal aprender a tocar? Veja a cifra de Um Vício e toque as músicas que mais gosta no violão ou guitarra.

Veja também o vídeo da música tocada.


O amor devia ser proibido
Porque é uma droga pesada
E se a pessoa tá viciada
Ela faz qualquer papel
Por um papel
De afeto mesmo malhado
Quando cê tá fissurado
Quando você tá churriado
'Tá que é pele e osso só

A euforia quente
Que te encharca
O corpo a mente
Não lhe pertence
É induzida por algum agente
E com a mesma rapidez
Que você chega aos céus
O inferno passa a ser seu lar

Tem sempre alguém que nunca pinta
Com a tal parada
Pode até ser que já dançou
E você é o próximo
E a dependência aperta a garganta
E os ossos doem
E o bode preto no portão
Hey hey hey
Aos urros

O amor devia ser proibido
Porque é uma droga pesada
E se a pessoa tá viciada
Ela faz qualquer papel
Por um papel
De afeto mesmo malhado
Quando cê tá fissurado
Quando você tá churriado
'Tá que é pele e osso só

A noite é longa
O teto é cinza
E o pensamento esgarça
A angþstia te pega gasganete e você engasga
E o som dos coraçýes
Partindo enche o salão
O sol começa a queimar
Devagar

O que era doce, transformou-se
Em vinagre e ácido
O que era þmido da mesma forma
Hora é árido
E o que antes era vivo
Já não pulsa mais
Tornou-se uma assombração
Hey hey hey
Aos urros

O amor devia ser proibido
Porque é uma arma engatilhada
E se ela está carregada
Ela pode disparar, na tua mão
Mas eu mesmo não, digo não, eu não.


Quer fazer uma correção nesta letra?







    Comentários (0) Postar um Comentário

    Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!