Topo

Belo acaba sendo envolvido em mais um barraco

Comente

Parece que o cantor pagodeiro Belo não consegue ficar muito longe dos problemas. De acordo com algumas publicações em jornais do Piaui na última semana, o cantor agora estaria envolvido em casos de estelionato e formação de quadrilha.

belo-acusado-de-estelionato

Belo estaria enfrentando problemas com uma companhia de táxi-aéreo na capital do estado do Piauí. De acordo com as informações que foram divulgadas, o cantor Belo e a sua equipe teriam fretado aviões e feito o pagamento com cheques que não tinham fundos para serem cobertos. Além disso, os cheques acabaram sendo sustados posteriormente. O total da dívida chegaria  a R$ 90 mil.

A polícia do estado já estaria até tratando o caso na esfera criminal e alguns boatos dizem que o cantor pode até mesmo ser preso.

Vale lembrar que, recentemente, o pagodeiro também arrumou confusão em Macaé (RJ) ao se recusar a fazer show em cima da hora numa casa noturna alegando que o palco era pequeno. Os convidados, revoltados, quebraram tudo dando o maior prejuízo.

Os advogados do Belo divulgaram uma nota esclarecendo que o cantor não está diretamente envolvido na negociação com a empresa e sim a sua produção. Além disso, os advogados afirmaram que a dívida existe, mas está sendo paga sob a égide de uma confissão de dívida.

A nota é finalizada com o cantor dizendo que tudo não passou de um “desacordo comercial”.



Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: