Topo

7 erros que você provavelmente comete ao guardar a escova dental

Comente

Sabemos que a escova de dentes deve ser substituída sempre e não quando só quando já está muto gasta. O detalhe, porém, é que muita gente não sabe ou simplesmente se esquece disso, pelo que, usam a escova por tempo muito prolongado, colocando em risco a própria saúde bucal.

E esse não é o único erro que as pessoas cometem nesse sentido. A seguir você confere outros grandes equívocos cometidos. Veja!

Maiores erros ao guardar a escova dental

7 erros que você provavelmente comete ao guardar a escova dental

Guardar as escovas juntas

O termo "juntar as escovas de dentes" é muito usado para se referir a duas pessoas que pretendem se casar. Praticar isso ao pé da letra, porém, pode não ser uma boa ideia. Isso porque uma escova pode contaminar a outra, colocando a saúde bucal da família em risco. Por isso tente armazená-las separadas.

Compartilhar a mesma escova

Veja também:

Assim como não devemos juntar as escovas ao guardar, ninguém deve também usar a escova de dentes de outras pessoas. Isso porque o compartilhamento da escova de dente pode fazer com que haja transmissão de doenças infecciosas. Por isso é importante que cada pessoa na família tenha sua escova.

Deixar a escova em cima da pia no banheiro

Jamais deixe a escova de dente jogada em cima da pia do banheiro, pois esse é o local mais contaminado da casa. De acordo com pesquisas, escovas de dentes que ficam em cima da pia sem proteção podem conter coliformes fecais.

O melhor lugar para se guardar uma escova de dente é sempre fora do banheiro, e caso não seja possível, armazene em um armário fechado, de preferencia longe do vaso sanitário, na posição vertical e com um protetor de cerdas com furos de ventilação.

Higienizar incorretamente

A escova de dentes está sempre em contato com a água durante seu uso, por isso muitas pessoas se esquecem de higienizá-la corretamente. Após o uso a escova deve ser lavada com água corrente, depois é só sacudir bem para eliminar o excesso de água e jamais secar na toalha, pois ela também costuma estar contaminada. O ideal é que diariamente ela seja limpa com antisséptico bucal.

Não trocar com frequência

De acordo com profissionais, a escova de dentes deve ser trocada a cada três meses ou quando as cerdas estiverem danificadas. Muitas pessoas acabam trocando de escova antes disso por colocar muita força na escovação e danificar as cerdas muito cedo, mas isso também é um erro, pois a escovação deve ser feita de forma leve com movimentos suaves e curtos, dando atenção para a margem gengival e para dentes e áreas mais difíceis de alcançar.

Mãos sujas durante a escovação

Muitas pessoas esquecem de lavar as mãos antes de pegar a escova de dentes, pois isso deve ser feito, uma vez que é o primeiro passo para uma correta higiene bucal.

Deixar o vaso sanitário destampado ao dar descarga

Outra dica é sempre fechar a tampa do vaso sanitário quando der descarga, devido as culturas de coliformes fecais que podem parar nas escovas que ficam armazenadas na pia do banheiro, sem proteção.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: